Campo Grande - MS, quarta, 15 de agosto de 2018

Flamengo chama PM após agressão de Willians em Negueba

27 MAI 2011Por futebolinterior01h:30

Nem tudo são flores no elenco do Flamengo. Mesmo após a boa vitória diante do Avaí na estréia do Brasileirão, os jogadores do Mengão voltaram a ser o centro das atenções em treinamento desta manhã. Após desentendimento do volante Willians e do atacante Negueba, a diretoria do rubro-negro teve que chamar a Polícia Militar para que membros de algumas torcidas organizadas não agredissem o volante, considerado culpado pelo ocorrido.

Tudo começou quando o jovem Negueba aplicou um “chapéu” em Willians, que em seguida e após não ter gostado do feito, deu um cotuvelada na promessa do time da Gávea. O jogador ficou estirado em campo, reclamando de dores e teve que sair chorando carregado por seus companheiros.

Ponto curioso do lance, é que mesmo após ter dado a cotuvelada, Willians se recusou a pedir desculpas, e com isso foi expulso do treino pelo técnico Vanderlei Luxemburgo. Além desta medida, o jogador também já foi cortado dos relacionados que deverão viajar para Salvador e encarar o Bahia.

Para a segurança do jogador e evitar protestos após o ocorrido contra o "xodó" da torcida rubro-negra, dois carros fortemente armados chegaram ao Centro de Treinamento para realizar a escolta no local.

Bahia e Flamengo se enfrentam pela segunda rodada do Brasileirão no próximo domingo, às 16 horas, em Salvador.

Leia Também