Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Campo Grande - MS, quarta, 12 de dezembro de 2018

Fla e São Paulo estreiam com empate

10 MAI 2010Por 06h:20
RIO DE JANEIRO

Com equipes repletas de reservas, Flamengo e São Paulo estrearam no Campeonato Brasileiro com empate por 1 a 1, na tarde de ontem, no Maracanã. Os treinadores preteriram a abertura do nacional e deram folga para os titulares visando à disputa das quartas de final da Copa Libertadores.
Apesar da igualdade, o resultado foi comemorado pelos técnicos Ricardo Gomes, do São Paulo, e Rogério Lourenço, do Flamengo, que consideraram o duelo válido para dar ritmo de jogo aos reservas e, assim, deixá-los preparados para uma necessidade nos confrontos pela Libertadores.
Mas apesar da ausência dos titulares, as equipes criaram boas chances e fizeram um bom jogo, apesar de o gramado do Maracanã estar castigado pela chuva. Após um início truncado, o São Paulo quase marcou aos 28 minutos: Rogério Ceni cobrou falta da entrada da área e acertou a trave direita de Bruno.
O Flamengo respondeu por duas vezes. Na primeira, logo no minuto seguinte, Juan fez belo passe e Kleberson arriscou de fora da área – a bola quase entrou no canto direito de Ceni. A segunda foi aos 36. Desta vez, Petkovic tocou e Juan saiu livre dentro da área, mas pegou mal e mandou a bola por sobre o gol.
Ainda no primeiro tempo, o São Paulo abriu o placar. Aos 45 minutos, Léo Lima lançou para Richarlyson, que tocou de cabeça para Marcelinho Paraíba. O meia-atacante cruzou na medida e Washington, um pouco estabanado, desviou na pequena área para o gol.
Na etapa final, o Flamengo mudou. Michael entrou na vaga de Fernando e, logo aos seis minutos, fez belo lançamento para Denis Marques. O atacante recebeu, entrou na área e bateu cruzado. Rogério Ceni esticou a perna esquerda, mas não conseguiu evitar que a bola entrasse no canto.
Após o empate, a partida continuou aberta. Em cobrança de escanteio, aos 20 minutos, Petkovic acertou o travessão de Rogério Ceni e quase marcou gol olímpico. Aos 45 minutos, Washington ajeitou e Marlos teve a chance, mas David tirou em cima da linha para o Flamengo, garantindo o empate por 1 a 1.

Cruzeiro
O Cruzeiro tem muito o que comemorar após sua estreia no Brasileirão. Mesmo poupando alguns titulares e jogando no Beira-Rio, a equipe mineira venceu o Internacional por 2 a 1.
Aproveitando o Inter perdido em campo, o Cruzeiro abriu o placar aos quatro minutos com Kléber, de pênalti. O Inter não demorou para reagir e dois minutos depois Taison empatou de cabeça.
Mas ainda no primeiro tempo, o Cruzeiro chegou ao gol que lhe daria a vitória. Aos 36 minutos, o atacante Kléber recebeu dentro da área e bateu rasteiro, sem chances para o goleiro Lauro, marcando seu segundo gol na partida.

Fluminense
Já o Fluminense estreou no Brasileiro apresentando um futebol bem abaixo do esperado e acabou derrotado pelo Ceará por 1 a 0, no Castelão, em Fortaleza. O único gol da partida foi marcado por Geraldo, de pênalti, aos 37 minutos do primeiro tempo.
O pênalti, inclusive, foi muito contestado pelos jogadores do Fluminense e pelo técnico Muricy Ramalho. Para eles, Cássio, que acabou expulso no lance, não derrubou Geraldo.
Nos outros jogos disputados na tarde de ontem, o Avaí começou a competição goleando o Grêmio Prudente por 6 a 1, já em Campinas, o Guarani retornou à Série A ganhando do Goiás por 1 a 0.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também