Domingo, 25 de Fevereiro de 2018

DENGUE

Fim da Sucam ajudou a proliferação, diz Trombini

17 FEV 2011Por Roberto Costa15h:33

Durante entrevista concedida hoje (17) ao programa Bom Dia Mega Notícias – Mega 94 FM, o médico pediatra e ex-secretário municipal de Saúde de Campo Grande, Rubens Trombini, esclareceu que o primeiro caso de dengue em Mato Grosso do Sul foi registrado em 1985, frisando que não era uma doença desconhecida. Atribuiu à globalização a total falta de controle do mosquito Aedes aegypti responsável pela transmissão da doença, além de outros fatores como a falta de investimento em saúde preventiva e a conscientização de todos os segmentos da população de que o exemplo precisa começar dentro de casa.

Trombini também admite que a proliferação do mosquito transmissor da dengue teve início a partir do momento em que o Governo Federal achou por bem acabar com a Superintendência de Campanha de Saúde Pública (Sucam). Apesar de achar o assunto polêmico, o ex-secretário de saúde é de opinião de que a versão atual dos profissionais que realizam papel quase semelhante não estão devidamente preparado para o desempenho de tal atividade.

Leia Também