Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

SUL-AMERICANA

Figueirense empata com Atlético-GO

Figueirense empata com Atlético-GO
01/08/2012 20:44 - TERRA


Saiu o primeiro gol de Loco Abreu com a camisa do Figueirense. O atacante uruguaio marcou e definiu o empate desta quarta-feira por 1 a 1 com o Atlético-GO. A partida, realizada em Goiânia (GO), foi válida pela segunda fase da Copa Sul-Americana.

Com o resultado, a equipe catarinense (atual lanterna da Série A do Campeonato Brasileiro) pode empatar sem gols no embate de volta - que está previsto para o dia 23, no Estádio Orlando Scarpelli, em Florianópolis (SC) - que avançará à fase seguinte.

O jogo

Estreando em competições internacionais, o Atlético-GO começou a partida tomando iniciativa. No entanto, foi o goleiro do time goiano quem primeiro trabalhou. Aos 18min, Jackson chutou de fora da área e obrigou boa intervenção de Márcio. O revide foi dado aos 26min. O experiente Joílson também arriscou de longe e viu Ricardo espalmar.

Quando, porém, o confronto caminhava para o intervalo com um empate sem gols, Eron foi acionado dentro da área e, ao receber um tranco de Doriva, caiu. Pênalti para os mandantes. O goleiro Márcio bateu forte no canto esquerdo e marcou o 26º tento da carreira.

Após ser furado, o Figueirense acordou. Aos 41min, depois de boa trama, Loco Abreu achou Caio dentro da área. O atacante girou, mas bateu por cima da meta adversária. A reação tardia foi o prenúncio da segunda etapa. A equipe catarinense voltou do vestiário em busca de marcar na casa do rival.
E conseguiu aos 23min. Ronny arrematou de longe e Márcio soltou. Aloísio pegou o rebote e rolou para o meio. Loco Abreu, oportunista, só completou para as redes. O tento de igualdade escancarou o duelo. O placar, contudo, não foi mais movimentado até o apito final.

Felpuda


O desgaste de antigas lideranças nacionais, com reflexo em nível local, é a maior preocupação dos dirigentes de partidos para as eleições deste ano, que terá reflexo em 2022. Em épocas passadas, essas figurinhas cruzavam os céus do País para visitarem os municípios e pedirem que a população votasse em seus ungidos. Agora, com pendências judiciais e poder enfraquecido, dificilmente seriam convidadas. A pandemia, que resultou no isolamento social, foi a pá de cal.