Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

CAMPO GRANDE

Fiação furtada causa prejuízo de <br> R$ 150 mil por mês

Fiação furtada causa prejuízo de <br> R$ 150 mil por mês
29/06/2012 10:27 - DA REDAÇÃO


Prejuízo de R$ 150 mil com furto de fiação subterrânea da rede de energia é contabilizado mensalmente aos cofres públicos, segundo a Prefeitura de Campo Grande. Os locais preferidos dos ladrões são as avenidas que margeiam os parques lineares da cidade.

Segundo ainda informações da prefeitura, este prejuízo corresponde ao custo de instalação de 100 novas luminárias. A fiação é furtada para a retirada do cobre que é revendido a sucateiros. O metro do fio de cobre custa no mercado em média de R$ 6,00 a R$ 28,00.

De acordo com o chefe da Divisão de Iluminação Pública da Secretaria Municipal de Infraestrutura, Transporte e Habitação (Seintrha), Eilonei Francisco de Souza , só neste ano foram registradas cinco ocorrências, sendo duas na região do Lagoa, duas no Imbirussu e uma na avenida Guaicurus.

Somente na região do PAC/Lagoa, desde o início do ano, foram furtados 3.600 metros de fiação, o que representa um prejuízo aos cofres públicos na ordem de R$ 120 mil. Este mês, o fato aconteceu no Espaço do Tereré no Imbirussu, onde foram furtados 1.200 metros de fiação, um prejuízo de R$ 44,4 mil.

Felpuda


Partido está aos poucos montando a que vem sendo chamada de “chapa do quartel”, pois os pré-candidatos são oriundos da caserna. Há quem diga que os dirigentes da legenda ainda estão querendo pegar carona no “fenômeno Bolsonaro”, esquecendo-se que o presidente, embora vindo da área militar, está na política há 30 anos e o seu programa de governo agradou 57,7 milhões de eleitores. Dizem que tchurminha será obrigada a adicionar mais ingredientes no currículo, senão...