Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

LIDERANÇA

FHC é opção de Serra para dirigir tucanos

21 ABR 11 - 00h:00ESTADÃO

A cerca de um mês da eleição para a escolha do presidente nacional do PSDB, aliados do ex-governador José Serra começaram a se movimentar para convencer o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso a ocupar o cargo.

A movimentação vai na contramão do que o senador mineiro Aécio Neves tem articulado: a recondução do atual presidente, o deputado Sérgio Guerra (PE). O nome do novo presidente tucano será referendado durante a convenção do partido, que será no fim do mês que vem.

Nos últimos dias, parlamentares ligados a Serra levaram a sugestão a FHC, que resiste à ideia. A ponderação do ex-presidente tem sido basicamente a mesma: com quase 80 anos, não quer mais se envolver nos impasses da política interna partidária.

Nesta semana, FHC deu indícios de que não pretende abraçar a causa. Após reunião no seu instituto, o iFHC, foi questionado sobre o racha no PSDB municipal. Expôs o que tem dito reservadamente: "Não sei nada a respeito. Olha, vou fazer 80 anos, já não acompanho, há tempos, o dia a dia da vida partidária".

A ideia de lançar FHC é uma tentativa do grupo de Serra de aumentar a influência na cúpula do partido - os serristas veem o projeto de recondução de Guerra como, praticamente, a confirmação de que o senador será o candidato a presidente em 2014.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

BRASIL

Segunda Turma do STF nega a Lula suspeição de Moro na ação do Instituto

BRASIL

Maia: pacote anticrime está 'quase maduro' e poderá ser votado em algumas semanas

BRASIL

EUA estão preocupados com impacto de incêndios na Amazônia

Incêndio assusta no Parque dos Poderes
CAMPO GRANDE

Incêndio assusta no Parque dos Poderes

Mais Lidas