Campo Grande - MS, sábado, 18 de agosto de 2018

Corumbá

Festival América do Sul prossegue com as atrações

28 ABR 2011Por Laís Camargo00h:00

O 8º Festival América do Sul continua a programação. Veja abaixo os horários, locais e descrições das atrações de hoje:

Artesanato de Corumbá
8h às 18h - Local: Casa do Artesão

Exposição de Artes Plásticas
Intentos Fallidos (Tentativas) - Adriana Salazar (Colômbia)
Banco Central Del Condor (Performance e Exposição) - Ricardo Benain (Venezuela)
Circulando em Outras Dimensões - Coord. Regina Carmona (Brasil)
8h às 20h - Local: Casa Vasquez

Exposição interativa Estação Natureza Pantanal
Local: Estação Natureza Pantanal – Fundação O Boticário
9h às 11:20h e das 14h às 17:20h.

Literatura

Quebra-torto com Letras
Café da manhã pantaneiro e bate-papo literário
8h - Local: Moinho Cultural Sul-Americano

Lançamento dos livros
‘‘A literatura sul-mato-grossense na ótica de seus construtores‘‘
com presença das autoras Maria da Glória Sá Rosa e Albana Xavier Nogueira
``O Lobisomem do trem do pantanal“
com a presença do autor Jair Buchara Justiniano

Premiação do Concurso Soy Loco Por Ti América
9h - Local: Praça Generoso Ponce

Feira dos Países e Feira de Artesanato
Mostra Internacional dos países: Paraguai, Bolivia, Chile, Equador, Venezuela, Colômbia, Uruguai e Peru.
Mostra Brasil de Artesanato: artesanato de Mato Grosso do Sul, Goiás e Paraíba.
Projeto Mãos que Criam – demonstrações de técnicas de artesanato com artesões do MS, GO e PB.
14h às 22h - Local: Pavilhão dos Países - Praça Generoso Ponce

Galeria dos Homenageados
14h às 22h - Local: Praça Generoso Ponce

Oficinas

Customização
Ministrante: Ana Maria Ferreira Lopes
14h às 17h - Local: Clube Corumbaense

I Festival Gastronômico Sabores das Américas
Aulas-show com degustações e renomados chef’s de cozinha do Brasil e exterior
15h às 20h - Local: Centro de Convenções do Pantanal


Palestra


Imigração e Folclore Boliviano
Palestrante: José Bolívia
15h - Local: Centro de Convenções do Pantanal


Cinema

Mostra do Diretor de Fotografia Jaime Lerner (Rio Grande do Sul)
14h - Local: Centro de Convenções do Pantanal

Filme: Subsolo
Ficção, 17 min, 2008 - RS
Direção, Roteiro e Foto: Jaime Lerner
Sinopse: O que é ficar no escuro, sem saber como agir, qual direção tomar? Essa é a sensação de Mônica que não consegue levar adiante a vida que o destino lhe reservou. Ela planeja com detalhes a despedida desta vida, mas o destino mais uma vez vai lhe prega uma peça. Prêmio de Melhor Direção no Festival de Gramado, Melhor Direção, Atriz e Melhor Filme em Toronto - Brafft, Melhor Direção, Roteiro e Montagem no Festival de Canoa Quebrada, Melhor Trilha Mostra Gaúcha do Festival de Gramado e Prêmio Lecine.

Porto Alegre, Meu Canto no Mundo
Documentário, 74 min, 2007 - RS
Direção: Jaime Lerner e Cícero Aragon
Roteiro: Jaime Lerner e João Knijnik
Direção de Foto: Jaime Lerner
Sinopse: Documentário que mistura ficção sobre a cidade de Porto Alegre, como se constrói e se modifica o olhar do cidadão, sobre o espaço urbano onde convive.

Cinema Falado com o Diretor de Fotografia Jaime Lerner
Mediador: Candido Alberto da Fonseca, documentarista de MS
14h - Local: Centro de Convenções do Pantanal

Gigante
Comédia Romântica, 90 min, 2009 – Uruguai/Argentina/Alemanha/Espanha
Direção: Adrián Biniez
Sinopse: Jara (Horacio Camandule), grande e tímido segurança de supermercado, descobre Julia (Leonor Svarcas), faxineira no lugar, pelas câmeras de vigilância e apaixona-se por ela. Logo, sua vida passa a girar em torno da rotina dessa mulher e pelo desejo de conhecê-la. Indicado como Melhor Filme Estrangeiro no Festival Goya. Ganhou o Urso de Prata, Grande Prêmio do Júri. Melhor Filme de Estreia e Prêmio Alfred Bauer no 59° Festival de Berlim e no Festival de Gramado ganhou Melhor Ator (Horacio Garnandule), Melhor Roteiro e Prêmio da Crítica.
18h - Local: Centro de Convenções do Pantanal


Artes Cênicas nas Ruas - Teatro, Dança e Circo
Duelo Especial – Touro Bandido x Touro Encantado
Grupo Desafio do Touro Candil (Porto Murtinho/MS)
Classificação: Livre
Duração: 40 minutos
Sinopse: O espetáculo é um misto de crenças, costumes, religião e o colorido das fantasias. O desempenho dos grupos, que representam os Touros Bandido, simbolizado pela cor verde e Encantado, simbolizado pela cor amarela envolve e encanta na tentativa de convencer o público sobre quem é o legítimo filho do Touro Candil.
17h30 - Local: Porto Geral

Abanico de Soltera
Textos deshojados para una Rosa granadina
Grupo Tea Teatro (Argentina)
Direção: Horácio Medrano
Texto: Andréa Juliá
Classificação: 12 anos
Duração: 40 minutos
Sinopse: Uma homenagem ao universo de Federico García Lorca. No espetáculo uma mulher é jogada no universo do autor de Granada, suas palavras se fundem com a dança e ela joga com o amor infeliz. Com os objetos que invadem a cena, desafia a morte. Nessa mulher vivem os personagens de Lorca, que recitam suas últimas e solitárias horas. A música tece lembranças como retalhos gastos de memória misturados com poesia.
18h30 - Local: Palco Pantanal

Musas Del Lunfardo – Teatro, Tango y Poesia
Grupo Naskapi Teatral (Uruguai)
Direção: Dino Armas
Coreografia: Marlene Artigas
Elenco: Stella Palazzo e Hugo Cardozo
Classificação: 12 anos
Duração: 45 minutos
Sinopse: O espetáculo leva para o teatro, tango e poesia lunfarda (gíria originada e desenvolvida em Buenos Aires, principalmente entre as classes baixas, mas que ganhou popularidade em todos os extratos por meio de letras de tango). O trabalho retrata personagens representativos deste gênero, verdadeiros arquétipos que encarnam uma psicologia e filosofia de vida que mantém absoluta vigência no mundo em que vivemos.
20h - Local: Espaço Cênico – Teatro do Colégio Santa Tereza

Intervenções Artísticas
Artistas de Rua
Classificação: Livre
Duração: 90 minutos
Sinopse: O Festival América do Sul traz para as ruas de Corumbá apresentações artísticas das mais diferentes áreas. Mágicos, palhaços, mímicos, músicos, entre outros, farão da rua o seu palco, alegrando os transeuntes com muito bom humor.
21h - Local: Praça Generoso Ponce

Incontornáveis – um teatro de incoerência e Horror
Grupo Mercado Cênico (Campo Grande/MS)
Direção: Vitor Hugo Samúdio
Classificação: 16 anos
Duração: 55 minutos
Sinopse: O espetáculo é o primeiro de uma série de três trabalhos que a companhia pretende montar. O objetivo da direção é estimular a reflexão, a elasticidade do pensamento e a compreensão; de forma cênica e social do espectador. Incontornáveis foi concebido através do processo de depoimentos e estímulos dos atores, buscando assuntos referentes às violências cotidianas: físicas e emocionais, psicológicas e sociais.
21h - Local: Instituto Luiz de Albuquerque (ILA)

Palco das Américas

19h - A Velha Carne
Uma das atrações que vai representar musicalmente a cidade de Corumbá no Festival. Com composições e integrantes jovens, promete ousadia no repertório.

20h - Jennifer Magnética
Mostrar o que pensa o velho ébrio na sarjeta ou o que sente a ‘tia’ do balcão do boteco, por viver no submundo do submundo é o desafio que a banda se propôs a enfrentar em “O Verdadeiro Undergrund” show que dá nome ao novo CD da banda.

21h - Diálogos
O show Diálogos propõe a fusão de uma orquestra tradicional com ritmos brasileiros, bolivianos e paraguaios. No palco estão os músicos da banda Muchileiros, (cujo vocalista é paraguaio), do Masis Brasil, especialistas em música andina, o boliviano Edgar Mancilla executando instrumentos típicos como as Zamponhas cromáticas, quenas, bombo leguero e músicos de orquestra regidos pelo maestro Eduardo Martinelli.

22h - Moraes Moreira
Aos sessenta anos, Moraes não se aposenta! Se apresenta à sua fiel torcida trazendo boas novas. Em seu novo show, “A História dos Novos Baianos e Outros Versos”, se apresenta como narrador e cantor.
Músicas como Preta Pretinha, Mistério do Planeta, Brasil Pandeiro, A Menina Dança, entre outras. Já a segunda parte do espetáculo é dedicada à vitoriosa carreira solo, com os sucessos Pombo Correio, Festa do Interior, Lá vem o Brasil Descendo a Ladeira, Meninas do Brasil, Sintonia, além de algumas inéditas.

Leia Também