Campo Grande - MS, quarta, 22 de agosto de 2018

Fórmula 1

Ferrari luta contra crise para recuperar respeito

6 MAI 2011Por uol00h:00

“Falta criatividade para a Ferrari”. Esta é a avaliação do empresário de Fernando Alonso, Flavio Briatore, sobre os problemas da escuderia em 2011. A crise transcendeu a tabela de classificação e passou a levantar dúvidas também sobre a estrutura da equipe. A imprensa italiana já pede a cabeça do diretor técnico Aldo Costa e do projetista Nikolas Tombazis, e por isso o clima antes do GP da Turquia é de pressão em Maranello.

A desculpa dada pelos dois foi a má calibragem do túnel de vento, que apresentou resultados bem diferentes do que foi visto na pista. Para tentar finalmente conseguir um pódio neste ano, a equipe fez o que vem se tornando praxe: copiou o desenvolvimento da Red Bull e, assim, espera que o 150º Italia esteja um segundo mais rápido em Istambul.

“Teremos novas asas, além de modificações nos freios. Nosso carro tem muito a recuperar: tivemos problemas no túnel de vento e outros problemas na nossa metodologia. Estamos melhorando nessas duas frentes, mas ainda há um longo caminho. Estaremos mais rápidos na Turquia, mas não onde precisamos estar”, comentou o projetista Tombazis em entrevista ao Corriere dela Sera.

Sincero, Tombazis esclareceu qual é exatamente o problema de metodologia apontado por ele na Ferrari: “Nós percebemos, mesmo que não seja um prazer admitir, que nos últimos anos nos tornamos mais conservadores, menos agressivos com o desenvolvimento, e apostamos menos em ideias corajosas”.

Como resultado, a escuderia ficou sem pódio nas primeiras três etapas do ano, sendo que nenhum de seus pilotos quebrou, bateu ou abandonou alguma das provas. Por isso, a Ferrari apostou em uma suspensão traseira mais alta, como a da Red Bull, além das outras alterações aerodinâmicas.

Felipe Massa e Fernando Alonso vão testar a nova versão do 150º Italia a partir das 4 horas (de Brasília) da sexta-feira, na primeira sessão de treinos livres. A classificação será às 8 horas de sábado, e a largada às 9 horas de domingo.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também