Quarta, 13 de Dezembro de 2017

Ferrari divulga comunicado em que mostra preocupação com Schumacher

30 DEZ 2013Por terra19h:00

A Ferrari divulgou nesta segunda-feira um comunicado em que revela grande preocupação com o estado de saúde de Michael Schumacher, piloto da escuderia entre 1996 e 2006, que sofreu grave acidente de esqui na França e está hospitalizado em estado crítico.

"São horas de inquietação para todos da Ferrari, pelo que se soube sobre o acidente de Michael Schumacher. Em particular o presidente Luca di Montezemolo, também através do diretor esportivo da escuderia Stefano Domenicali, está em contato direto com a família e as pessoas próximas ao campeão alemão", diz a nota.

Pela equipe, o alemão foi campeão em cinco oportunidades, entre 2000 e 2004. A relação de proximidade criada durante a passagem do piloto pela Ferrari aumenta ainda mais a apreensão em todos em Maranello. "O próprio Montezemolo quis enviar um pensamento de proximidade e ânimo em um momento tão difícil, com a esperança de ter em breve notícias melhores", aponta o texto.

Schumacher sofreu o acidente de esqui ontem, na estação de Méribel, e está em coma induzido após ter sido submetido a uma neurocirurgia. Ele teve várias lesões ao se chocar com uma rocha e, segundo os médicos, provavelmente teria morrido se não estivesse usando capacete. O ex-piloto completa 45 anos no dia 3 de janeiro.

Leia Também