Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

FELPUDA

Felpuda

Felpuda
13/08/2015 00:00 - Ester Figueiredo


No tête-à-tête, comentário é que o escândalo por essas plagas, sobre a distribuição de propinas, ainda vai dar muita, mas muita dor de cabeça, digamos, suprapartidária. Negar tudo é um direito, assim como a colocação de algemas também o é. A aparente calmaria não significa que o vendaval passou, pois, na sequência, poderá vir um tornado. A conferir.
Ester Figueiredo

Felpuda


O sumiço de algumas figurinhas carimbadas da política não acontece em virtude da necessidade de isolamento como uma das formas de prevenção à pandemia. Em verdade, seria porque não têm mesmo o que e a quem falar. Com o advento das redes sociais, quem acha que fazer campanha eleitoral continua como na época do “eu prometo” está a um passo de ver o sonho de conquistar mandato se transformar em pesadelo. Pelo jeito, não estão nem conseguindo dormir.