Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Sérgio Fernando Harfouche – Promotor de Just

Falta de civismo na escola forma corruptos

21 FEV 10 - 07h:39
Promotor de Justiça desde 1992, mas há menos de um ano atuando na área da infância, Sérgio Fernando Harfouche, destacou- se pelo trabalho que desenvolveu nas escolas públicas de Campo Grande, durante todo o ano passado, acompanhando os problemas enfrentados pelos pais, professores, diretores e estudantes. Neste ano letivo, ele promete mais rigor nas ações para acabar com a evasão e violência escolar. Quatro inquéritos serão instaurados e os pais que não matricularem os filhos poderão responder por abandono intelectual. O aluno que cometer alguma irregularidade também terá de prestar serviços no colégio. Ainda, durante entrevista ao Correio do Estado, Harfouche, criticou a falta de ação dos policiais para acabar com pontos de venda de drogas em Campo Grande. Segundo ele, os policiais sabem os endereços das bocas de fumo, mas não agem por falta de efetivo. Ele vê ainda a necessidade de delegados especializados atuarem à noite e nos finais de semana. O promotor também se posicionou contrário à redução da maioridade penal, proposta definida por ele como prejudicial e burra.
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Ministro diz que campanha pela Amazônia é "ataque internacional"
EM CAMPO GRANDE

Ministro diz que campanha pela Amazônia é "ataque internacional"

Após cassação, Miranda terá nova eleição para prefeito em outubro
ELEIÇÃO SUPLEMENTAR

Miranda terá nova eleição para prefeito em outubro

Ministro da Saúde anuncia multivacinação para outubro
CAMPANHA

Ministro da Saúde anuncia multivacinação para outubro

Processo seletivo do Senar tem 10 vagas e salário de R$ 6,5 mil
OPORTUNIDADE

Senar abre seleção com 10 vagas e salário de R$ 6,5 mil

Mais Lidas