Campo Grande - MS, segunda, 20 de agosto de 2018

exercício irregular da profissão

Falsa médica veterinária é presa em flagrante pela Polícia Civil

17 MAI 2011Por EVELIN ARAUJO09h:02

Policiais civis da Delegacia Especializada de Repressão a Crimes Ambientais e Proteção ao Turista (Decat) prenderam em flagrante ontem, após denúncia formulada pelo Conselho Regional de Medicina Veterinária do Estado (CRMV/MS), uma mulher de 32 anos que se passava por médica veterinária. Ela atendia em uma clínica na Avenida Mato Grosso, em Campo Grande.

Ela utilizava o número de registro de um profissional médico veterinário que havia extraviado seu documento original, sendo que para tanto mandou confeccionar carimbo com seu nome e o número do CRMV/MS.

A mulher foi presa em flagrante no momento que chegava para trabalhar no consultório. Os proprietários do estabelecimento dizem desconhecer a situação irregular da autora, o que será investigado na tramitação do inquérito policial, que deverá ser instaurado para apuração dos crimes de exercício irregular de profissão e falsidade ideológica.

 

Leia Também