Segunda, 19 de Fevereiro de 2018

Fabricante do BlackBerry nega que bateria no tablet PlayBook seja fraca

2 JAN 2011Por JORNAL DO BRASIL04h:51

A empresa de tecnologia Research In Motion (RIM) negou que a bateria de seu novo tablet, o PlayBook, tenha uma durabilidade menor que a de seus concorrentes.

Rumores apontavam que a aparelho tecnológico teria uma carga menor que seis horas, o que seria ainda mais reduzida que a duração do tablet Galaxy Tab da Samsung e as dez horas do iPad da Apple.

"Qualquer teste ou observação da duração da bateria por qualquer um de fora da RIM teria sido baseada em unidades pré-testes que foram fabricadas sem o gerenciador de energia implementado", disse a RIM, que fabrica os smartphones BlackBerry em declaração via e-mail ao site Info.

Leia Também