Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

BRASIL

Extraditado, empresário que matou mulher chega a Porto Alegre

Extraditado, empresário que matou mulher chega a Porto Alegre
09/03/2011 09:40 - terra


Empresário gaúcho condenado pelo assassinato da própria mulher, Luiz Henrique Sanfelice chegou ao Aeroporto Salgado Filho, em Porto Alegre, às 9h20 desta quarta-feira. Extraditado da Espanha após ter buscado refúgio no país europeu em 2008, Sanfelice deve fazer exames de lesões no Departamento Médico Legal (DML), na capital gaúcha, antes de ir para a Penitenciária Modulada de Montenegro, onde ficará preso. As informações são da Rádio Gaúcha.

O caso
O corpo de Beatriz Rodrigues, mulher do empresário, foi encontrado carbonizado dentro do próprio carro em uma estrada de chão em junho de 2004. Na época, Sanfelice negou participação no crime. Os motivos, segundo a polícia, seriam passionais - Sanfelice estaria sendo traído pela jornalista - e materiais: em janeiro do mesmo ano, Beatriz tinha feito um seguro de vida cujo prêmio seria de R$ 350 mil.

Em 2006, o empresário foi condenado a 19 anos e três meses de prisão. Em 2007, teve direito ao regime semiaberto e, em abril de 2008, fugiu do presídio de Novo Hamburgo (RS). Em 2009, a Polícia Civil recebeu a informação de que o empresário, que tem cidadania espanhola, havia fugido para a Europa, e comunicou o fato à Polícia Federal (PF), representante da Interpol no Brasil. Em maio do ano passado, o empresário foi preso em Bollullos de la Mitación, próximo a Sevilha.
 

Felpuda


Outrora afinadíssimo com o presidente Jair Bolsonaro, parlamentar sul-mato-grossense começou a ser escanteado em consequência de uma das crises políticas de grande repercussão. A figura entrou em campo e botou falação sobre o que estava ocorrendo, e isso soou que só como crítica pesada ao governo, que, como não poderia deixar de ser, não gostou nadica de nada. Há quem diga que o dito-cujo é muito levado “pelo sangue”. Então, tá!...