segunda, 16 de julho de 2018

CULTURA

Exposição interativa será aberta hoje

26 OUT 2010Por THIAGO ANDRADE07h:33

"Rebobine, por favor" nasceu para o cinema, mas o cineasta francês Michel Gondry gostou tanto da ideia que decidiu transformá-la em exposição, permitindo que o público produzisse os próprios vídeos baseados em filmes. Depois de passar por Nova York, São Paulo e Rio de Janeiro, a exposição vem para o Museu de Arte Contemporânea (Marco) em Campo Grande, onde permanece até 14 de novembro.

Contando com inúmeros cenários, que podem ser utilizados como locação para os filmes, a exposição se baseia no filme lançado em 2008, no qual, dois atendentes de locadora são obrigados a refilmar todos os títulos após um acidente que apaga as fitas VHS da loja. Após participar de um workshop em grupo, que deve ser marcado com antecedência, os participantes recebem câmeras e equipamento de iluminação para filmar o que quiserem.

A exposição é apresentada pela Petrobrás e conta com apoio da Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul. A entrada é gratuita. Após a filmagem, os grupos assistem aos vídeos na sala da locadora, réplica ao cenário do filme. O Marco fica na Rua Antônio Maria Coelho, 6000.
 

Leia Também