REUNIÃO

Executiva municipal do PSD define diretrizes do partido para as eleições

Executiva municipal do PSD define diretrizes do partido para as eleições
13/02/2014 11:35 - DA REDAÇÃO


A executiva municipal do PSD está reunida na manhã desta quinta-feira (13), na sede do Diretório Regional da sigla, na Capital, para conversar sobre as diretrizes do partido nas eleições deste ano e também apresentar os nomes já confirmados como pré-candidatos a deputados estaduais e federais.

“Vamos nos reunir com o presidente do diretório municipal, com os membros da executiva, vereadores e alguns pré-candidatos que já estão sendo definidos para disputar uma cadeira na Câmara Federal e na Assembleia. É mais uma prosa entre nós, para sabermos também quem quer ser candidato”, explicou o presidente regional e ex-senador Antonio João Hugo Rodrigues.

Na Capital, entre os nomes que devem entrar na disputa estão o do próprio presidente, que sairá candidato a deputado estadual, o da ex-vereadora Tereza Name, e para a Câmara Federal figuram os nomes do vereador pela Capital Ademar Vieira Junior, o Coringa, e do médico Renato Figueiredo, presidente municipal do PSD.

“Estamos trabalhando também o interior que tem lideranças fortes e que devem fazer diferença nas eleições, pois o PSD vai surpreender este ano, igual aconteceu em 2012 quando no primeiro ano de partido elegemos quase 60 vereadores no Estado”, enumerou Antonio João. 

smaple image

Fique por dentro

Fique sempre bem informado com as notícias mais importantes do MS, do Brasil e do mundo, direto no seu e-mail.

Quero Receber

Felpuda


Princípio de "rebelião" política no interior de MS, fomentada por grupo interessado em tomar o poder, não prosperou. Quem deveria assumir o "comando da refrega", descobriu que, além da matemática ser ciência exata, há "prova dos nove". Explica-se: é segunda suplente, pois não conseguiu votos necessários nas últimas eleições, mas assumiu o cargo porque a titular licenciou-se, assim como o primeiro suplente. Caso contrarie a cúpula, seria aplicada a tal prova e, assim, "noves fora, nada".