Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Assine a Newsletter

Ex-prefeito de Fátima é condenado por improbidade

24 MAR 10 - 10h:02
juiz Bonifácio Hugo Rausch condenou o ex-prefeito de Fátima do Sul Dilson Deguti Vieira (PMDB) e o ex-tesoureiro da prefeitura, Leonir Pereira Zuleger, por improbidade administrativa. Eles foram acusados pelo Ministério Público Estadual em processo irregular de aquisição de combustível enquanto exerciam os cargos na prefeitura durante o período de 2002 a 2004. Conforme a sentença, eles devem indenizar o município em R$ 421.918,51 e pagar multa de igual valor. Os dois também tiveram os direitos políticos suspensos pelo prazo de cinco anos. Notas falsas O magistrado considerou procedente ação civil pública movida pelo Ministério Público Estadual, representado pelo promotor de Justiça, Paulo Roberto Gonçalves Ishikawa. Conforme a ação, os réus adquiriram peças automotivas usando notas fiscais falsas e sem licitação. A ação foi proposta pelo MP em julho de 2007, após representação feita pela administração atual, da prefeita Ilda Machado (PR). Por ser uma decisão em primeira instância, tanto Deguti como Zuleger podem recorrer da decisão no Tribunal de Justiça do Estado. (ME)
Esse artigo foi útil para você?
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Saque imediato: Nova lei do FGTS com limite do saque sobe para R$ 998
FGTS

Saque imediato: Nova lei do FGTS com limite do saque sobe para R$ 998

Sorteio do Bosque das Araras tem 145 inscritos por terreno
CONCORRÊNCIA

Sorteio da Emha tem 145 pessoas por terreno

Exigências para motoristas de aplicativo valem a partir de janeiro
CONFIRA REGRAS

Exigências para motoristas
de aplicativo valem a partir
de janeiro

CPI que investiga a Energisa terá sessões secretas
PORTAS FECHADAS

CPI que investiga a Energisa terá sessões secretas

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião