Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Campo Grande - MS, sábado, 17 de novembro de 2018

AMEAÇA

Ex-cunhado de Cachoeira é preso

6 JUL 2012Por G110h:11

A Polícia Federal, em parceria com o Ministério Público Federal de Goiás (MPF-GO), prendeu, na manhã desta sexta-feira (6), Adriano Aprígio de Souza, ex-cunhado do contraventor Carlos Augusto Ramos, o Carlinhos Cachoeira. A PF suspeita que ele seja o autor de um dos e-mails de intimidação enviados à procuradora da República Léa Batista, que atua na Operação Monte Carlo.

De acordo com a investigação da PF, pelo menos um dos e-mails investigados foi enviado da própria residência do suspeito, em Anápolis, local de cumprimento de um dos mandados de busca e apreensão.

O ex-cunhado é um dos indiciados na operação, por formação de quadrilha e ocultação de bens, direitos e valores. Segundo a investigação da PF, ele é o principal testa-de-ferro na organização de Cachoeira, tendo ofertado seu nome para ocultar o real patrimônio ilícito do contraventor.
 

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também