Campo Grande - MS, quarta, 15 de agosto de 2018

uFC

ex-campeão Randy Couture anuncia que irá se aposentar após enfrentar Lyoto

21 ABR 2011Por r719h:36

Decidir o momento de encerrar a carreira não é fácil para nenhum atleta, ainda mais quando se compete em alto nível. Prova disso é o lendário Randy Couture, cinco vezes campeão do UFC, que já se aposentou em duas oportunidades e tem o próximo desafio marcado para o dia 30 de abril, contra o brasileiro Lyoto Machida.

Apesar de ter cogitado nas últimas semanas ter vontade para fazer mais uma luta este ano, provavelmente contra Maurício Shogun, o americano parece ter desistido e anunciou que o duelo contra Machida será, enfim, sua aposentadoria definitiva do esporte que ajudou a popularizar no mundo.

- Eu quero sair do meu jeito e poder decidir quando é o bastante, e acho que chegou a hora. Não quero ouvir um médico dizer: “Você não pode mais lutar”. É o momento certo para eu sair com minha cabeça erguida. Venho fazendo isso há 14 anos, já é hora de me concentrar em outras coisas e desfrutar da minha vida um pouco.

Único atleta (ao lado do havaiano Bj Penn) a ser detentor do cinturão em duas categorias de peso diferentes, o “Capitão América” é responsável por inúmeros feitos no octógono. Em 1997, por exemplo, o americano chocou o mundo ao parar o fenômeno Vitor Belfort, em duelo histórico.

Dez anos depois, após retornar de uma de suas aposentadorias, Couture venceu os mais jovens Tim Sylvia e Gabriel Gonzaga de forma incontestável, reassumindo o posto de número um dos pesados do UFC.

A vitalidade, que o possibilita competir em alto nível mesmo próximo dos 50 anos, não é novidade para o atleta.

- Estou saudável e posso desfrutar de toda a minha vida agora. Não quero esperar muito tempo. Essa sempre foi uma característica minha. Me sinto ótimo e sei que tenho capacidade de competir neste nível.

Em 14 anos de carreira, Couture acumulou um cartel de 19 vitórias e nove derrotas, que o credenciaram a fazer parte do seleto Hall da Fama do UFC.

Leia Também