segunda, 16 de julho de 2018

APRESENTAÇÃO

Euforia marca chegada de Ronaldinho ao Fla

13 JAN 2011Por Rio de janeiro00h:00

Cercado por grande euforia em um verdadeiro clima de Carnaval e uma plateia de aproximadamente 20 mil torcedores, Ronaldinho Gaúcho foi apresentado ontem, no estádio da Gávea, como o mais novo reforço do Flamengo.

Marcada para as 15h30min (MS), a apresentação aconteceu apenas uma hora depois. Antes, a torcida forçou a passagem pela entrada da Gávea, superou os poucos policiais que tentavam conter o ímpeto do público e arrancou o portão das dobradiças, derrubando-o em cima das pessoas que estavam do lado de dentro. Ninguém se feriu no incidente.

Dentro do estádio, o clima era de folia total. A torcida fazia festa ao som de atrações musicais como Diogo Nogueira, Dudu Nobre e um grupo de funk. A hora da apresentação do melhor jogador do mundo em 2004 e 2005 logo chegou, mas não havia sinais de que ele apareceria tão cedo.

Quando Ronaldinho finalmente subiu ao palco armado na arquibancada da Gávea - após passar escoltado pelo gramado, acompanhado da presidente Patrícia Amorim e do atacante Vágner Love - o público foi ao delírio. Comandada pelo mestre de cerimônias Ivo Meirelles, presidente da escola de samba Mangueira, a torcida entoou vários cantos adaptando as letras para exaltar o gaúcho.

Flamenguista fanático, Meirelles falou bastante com a torcida, e depois Patrícia Amorim pegou o microfone para gritar "o Ronaldinho é nosso!". Quando chegou a hora de o astro principal falar, porém, ele foi sucinto: "obrigado pelo carinho, espero retribuir isso dentro de campo. Estou fechado com vocês e agora eu sou ‘Mengão’", declarou Ronaldinho, arrancando novos gritos dos rubro-negros.

Cerca de 12 mninutos depois de entrar, Ronaldinho deixou o palco. Durante sua curta aparição, o jogador pareceu bastante impressionado com o número de pessoas presentes à Gávea - sendo que boa parte do público se dispersou logo depois da saída do astro.


 

Leia Também