Quinta, 22 de Fevereiro de 2018

Estudante brasileiro desaparece na Argentina

24 JAN 2011Por FOLHA.COM08h:57

O desaparecimento do universitário e militante estudantil baiano Luiz Henrique Silva Souza, 26, que há 13 dias não mantém contato com familiares e amigos, levou as autoridades da Argentina a realizarem operações de busca ao estudante.

O brasileiro mora há oito meses no país vizinho.

A última pista sobre o paradeiro de Souza são imagens de uma câmera de monitoramento que mostram o rapaz no dia 11 de janeiro desembarcando de um barco em Tigre, na região metropolitana de Buenos Aires.

Ele havia saído de casa com a carteira, livros e uma bolsa de mão. Deixou o computador, roupas e acessórios.

"Duas horas depois de aparecer no vídeo, ele tinha um encontro com uma amiga. Não apareceu e o celular já estava desligado", afirma o amigo de Souza, o argentino Ariel Gomez, 35, que o hospedava em San Isidro, localidade vizinha a Tigre.

No dia anterior ao desaparecimento, o brasileiro havia dito a amigos que iria à capital, Buenos Aires, para realizar trâmites burocráticos. Ele também teria dito que compraria uma passagem de ônibus à cidade de Tilcara.

A passagem não foi comprada pelo brasileiro. Segundo o controle de migrações, ele não deixou o país.

Estudante de Direito na UFBA (Universidade Federal da Bahia), Souza trancou o curso para viajar por países da América Latina.

As autoridades dizem que não têm pistas do paradeiro do rapaz e que não há indícios de que o desaparecimento tenha sido violento.

O Consulado do Brasil em Buenos Aires diz que acionou as autoridades argentinas há dez dias, mas, até o momento, não recebeu nenhuma informação sobre a localização de Souza.

Leia Também