sábado, 21 de julho de 2018

ranking

Estado é o 8ª que mais evoluiu na educação

8 DEZ 2010Por bruno grubertt03h:10

Mato Grosso do Sul ficou em 8º lugar no ranking dos estados brasileiros que mais evoluíram, desde 2000, na qualidade da educação avaliada no Programa Internacional de Avaliação de Alunos (Pisa), elaborado pela Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE). Os resultados baseiam-se em provas de leitura, matemática e ciências, aplicadas em 2000 e 2009 a estudantes nascidos em 1993.

Os resultados foram divulgados ontem e mostraram o Distrito Federal como a unidade federativa que teve maior evolução, desde o ano 2000, quando foi realizada a prova anterior. Apesar de registrar melhora na educação, o Brasil segue entre os piores no ranking internacional do ensino — o País ficou com a 53ª colocação entre 65 países avaliados. A média entre todos foi de 496 pontos, enquanto o Brasil ficou com 401.

Os estudantes de Mato Grosso do Sul tiveram média superior à nacional — 404 pontos, no geral; 413,8 na leitura, contra 412 da nacional; 389,5 em matemática, contra 412 e 408 nas ciências, contra 405 da média brasileira.

Na avaliação do Pisa por unidades federativas, além do Distrito Federal e de Mato Grosso do Sul, também aparecem com as melhores notas os estados de Santa Catarina, Rio Grande do Sul, Minas Gerais, Paraná, Espírito Santo, São Paulo, Rio de Janeiro e Goiás, todos com média superior à média nacional.

Mesmo com desempenho ruim frente a outras nações, em relação às provas anteriores o Brasil melhorou. Em 2000, o País teve média geral de 368 pontos e, com os dados do ano passado, está entre os três que mais evoluíram desde aquele ano, ficando atrás apenas de Luxemburgo, na Europa, e do Chile. (BG)

Leia Também