Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Campo Grande - MS, domingo, 20 de janeiro de 2019

Arturo Fontaine

Escritor chileno ganha

9 MAI 2011Por EFE02h:36

O escritor chileno Arturo Fontaine (Santiago, 1952) ganhou a primeira edição do "Prêmio das Américas", dotado de US$ 25 mil, para a melhor obra publicada em espanhol em 2010 pelo romance "La vida doble".

O prêmio, outorgado graças ao patrocínio da Fundação Fonalledas, foi concedido por um júri de oito integrantes presidido pelo escritor boliviano Edmundo Paz Soldán, durante uma cerimônia em San Juan, Porto Rico, dentro do programa do Festival da Palavra.

Soldán assinalou que a distinção tenta premiar a carreira de Fontaine, considerado um dos autores mais representativos da nova narrativa chilena das últimas décadas.

Disse que o valor do reconhecimento reside em que o júri era composto por escritores, conhecedores da trajetória de Soldán, que, disse, é um autor com prestígio em seu país natal e na Espanha.

Fontaine se mostrou satisfeito pelo fato de que o reconhecimento venha de um júri composto por escritores de diferentes países da América Latina.

Sobre o trabalho premiado, o premiado disse que é um romance de ficção baseado em um fato real que se adentra na ditadura do general Pinochet.

Fontaione é formado no Departamento de Estudos Humanísticos da Universidade do Chile, também cursou estudos de pós-graduação na Columbia University.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também