Campo Grande - MS, quinta, 16 de agosto de 2018

CAMPO GRANDE

Escolas municipais iniciam coleta seletiva de lixo

27 MAR 2011Por DA REDAÇÃO00h:02

O projeto de coleta seletiva nas escolas municipais começa a ser implantado pela Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano (Semadur) em parceria com o Ministério Público Estadual e a Secretaria Municipal de Educação (Semed). O objetivo é desenvolver a educação ambiental referente à reciclagem dos resíduos sólidos (lixo) entre as crianças e os jovens, incentivando a separação dos materiais recicláveis e o descarte nos coletores adequados instalados nas escolas.

Na etapa inicial do projeto foram escolhidos dez estabelecimentos da Rede Municipal de Ensino (Reme). Mas, de acordo com a chefe da Divisão de Políticas Sustentáveis da Semadur, Juliana Casadei, a idéia é ampliar o número de escolas atendidas pela coleta seletiva ainda neste ano.

“As unidades escolares em que vamos desenvolver a coleta seletiva estão próximas a dois ecopontos da cidade: São Conrado e Bálsamo, para garantirmos a logística da destinação dos resíduos sólidos”, esclareceu Juliana.

Para a técnica da Semadur, a coleta seletiva nas escolas “tem um objetivo pedagógico, de aprendizado, já que as crianças são multiplicadoras em casa, fazendo com que os adultos se envolvam na questão ambiental como a destinação do lixo e quantidade de lixo gerado”, pontuou.

A primeira atividade educativa prevista pela Semadur no programa de coleta seletiva nas escolas é a apresentação de uma peça teatral – “O planeta terra é azul, não o deixe cinza”-, protagonizada por bonecos feitos com materiais reciclados. A pré-estréia da peça será hoje (27/03), às 19 horas, no Espaço Imaginário (rua Ingazeira, 190, Vivendas do Bosque).

Outras ações educativas do projeto: oficina de planejamento e construção de um jornal escolar como ferramenta de educação ambiental, visita orientada dos estudantes à III Mostra de Soluções Sustentáveis para que conheçam os usos dos materiais recicláveis em diversos segmentos (construção civil, artesanato, vestuário, etc..), oficinas de construção de brinquedos pedagógicos e populares a partir da reutilização de materiais recicláveis, oficinas de reaproveitamento de materiais recicláveis para a produção artística e de outros instrumentos úteis. Também está prevista uma exposição de artes de materiais recicláveis e a aplicação de jogos pedagógicos sobre a coleta seletiva.

Escolas participantes da primeira etapa do programa de coleta seletiva: EM Profª Valdete Rosa da Silva, EM Profª. Ana Lúcia de Oliveira Batista, EM Arlene Marques Almeida, EM Abel Freire de Aragão, EM Rafaela Abrão, EM Carlos Vilhalva Cristaldo, EM Dr. Eduardo Olímpio Machado, EM Maj. Av. Yjuca Pirama de Almeida, EM Profª Maria Tereza Rodrigues e EM Antonio José Paniago.

Leia Também