Segunda, 19 de Fevereiro de 2018

cidadania

Escola municipal fatura prêmio de R$ 500 mil

29 NOV 2010Por Bruna Lucianer03h:40

Representantes da Escola Municipal Fauze Scaff Gattass Filho, localizada exatamente na divisa entre os Bairros Nova Campo Grande e Jardim Carioca, estarão amanhã em Brasília para concorrer à etapa nacional do Prêmio Finep de Inovação. O projeto da escola, “Amigos da Cidadania, Cultura e Meio Ambiente”, já venceu a etapa regional na categoria Tecnologia Social e garantiu um prêmio de R$ 500 mil. Com competência comprovada, basta a sorte sorrir mais um pouquinho e trazer a vitória nacional para que o valor do prêmio dobre para R$ 1 milhão, cujo resultado deverá sair até amanhã.

Para a direção da Fauze Gattass, a função de uma escola vai muito além de ensinar. Lá, as crianças são educadas, conscientizadas, informadas e preparadas para o mundo que as espera fora dos muros da instituição de ensino.

Com 11 anos de atividades, o perfil de ensino começou a mudar por lá no ano de 2006, quando a professora Tânia Vital da Silva Gomes assumiu a direção da escola. Com o auxílio de professores e coordenação pedagógica, Tânia começou a implantar, aos poucos, um projeto que une conceitos de meio ambiente, cultura e cidadania.

Pode soar tedioso, mas eles conseguiram, através de medidas simples e com o auxílio de parceiros, introduzir esses importantes conceitos no cotidiano escolar dos mil alunos que passam pela escola todos os dias e, de quebra, irradiá-los pelos bairros e fazê-los entrar nas casas dessas crianças.

Em 2007, o projeto, hoje premiado, já estava completamente inserido nas atividades pedagógicas da escola. Música regional, teatro, horta, plantio de mudas, temas contemporâneos, palestras e apresentações passaram a integrar o currículo escolar dessas crianças e adolescentes ávidos por novidades e informação.

Por enquanto, a ideia é investir os R$ 500 mil na construção de anfiteatro para atividades culturais, para que os alunos continuem sendo protagonistas da própria transformação social. “Ainda é difícil acreditar que fomos agraciados com esse prêmio, pois concorremos com muitas instituições tradicionais e preparadas”, comemora a diretora.

Um dos pilares do projeto, a questão ambiental vem sendo trabalhada com eficiência dentro e fora da sala de aula. Os conceitos começam na plantação de verduras orgânicas na horta da escola, passam por trabalhos e explicações sobre o ato de reciclar e chegam às ações extramuro, como o plantio de mudas de árvores pelos bairros.

O prêmio
O Prêmio Finep de Inovação foi criado em 1998. A Escola Municipal Fauze Gattass foi a primeira instituição sul-mato-grossense a ser contemplada com a etapa regional do prêmio. Não é à toa a alegria contagiante perceptível a distância daqueles funcionários, professores e alunos.

Leia Também