Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Campo Grande

Enteado procura agressores de padrasto e é executado

9 JUL 12 - 08h:50VÂNYA SANTOS

O auxiliar de serviços gerais Neuzo Mendonça Pereira, de 30 anos, foi assassinado com 32 perfurações, entre golpes de faca e disparos de arma de fogo. O assassinato aconteceu por volta de 21h deste domingo, na casa da vítima que fica na Rua das Dálias, Bairro Jardim Noroeste, em Campo Grande.

Wagner Dorneles da Silva, de 23 anos, e José da Silva Conceição, de 46 anos, foram presos momentos depois do crime, no cruzamento da Rua Bananal com Avenida Adventor Divino de Almeida. Na ocasião, Wagner tentou se livrar de um revólver calibre 38. José estava com duas facas, um facão e um canivete.

A dupla relatou para a polícia que havia se envolvido numa briga e que possivelmente teria assassinado uma pessoa.

Segundo a polícia, um homem de 37 anos, padrasto de Neuzo, foi até a casa dos autores para conversar sobre uma antiga rixa entre os assassinos e a vítima. O padrasto então foi espancado pela dupla, precisou ser socorrido e medicado na Santa Casa.

Sabendo dos fatos, Neuzo foi até a casa de Wagner e José, mas não encontrou ninguém. Ele arrombou a porta e quebrou vários móveis na residência. Os autores então foram até a casa de Neuzo, onde tomaram um revólver que estava em poder da vítima e, em seguida, a mataram e também quebraram vários pertences no imóvel, como freezer e motocicleta. 

Esse artigo foi útil para você?
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

CURITIBA

Defesa de Lula vai à Justiça contra semiaberto que Lava Jato pediu

RIO

Três bombeiros morrem e 3 ficam feridos no combate a incêndio em boate

BRASIL

MP transforma conversão de multas ambientais em pagamento com desconto

BRASIL

'Ele é maior de idade', diz Bolsonaro sobre preferir Eduardo embaixador ou líder

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião