domingo, 22 de julho de 2018

Ensinar a criança a brincar pode trazer benefícios na vida adulta

9 DEZ 2010Por PORTAL DA EDUCAÇÃO18h:01

Ser criança e brincar tem seus benéficos, entretanto, ser adulto e ensinar a criança com alguma tarefa, lendo ou se divertindo, pode promover uma melhor saúde psicológica na idade adulta. O resultado deste estudo será publicado na edição deste mês da revista Development and Psychopathology.

Segundo o principal autor do estudo, Mark F. Lenzenweger, da Universidade de Binghamton, nos Estados Unidos, fomentar as aptidões sociais pode trazer bons resultados no futuro. “Concluímos que as crianças aprendem ao ter relacionamentos ativos com os adultos, além de melhorar o desenvolvimento psicológico positivo”, disse o pesquisador.

Para ele, quando criança é importante termos conexão com o mundo. “Como eu descobri, é esse comprometimento que prediz o aparecimento de sintomas dos transtornos de personalidade esquizoide no início da idade adulta e mais tarde”, explica Lenzenweger.

“Os relacionamentos interpessoais, que as crianças mantêm com os adultos é de extrema importância para a formação da personalidade, assim como o desenvolvimento dos vínculos e relacionamentos com as outras pessoas, o que vem consequentemente trazer à criança mais perspectivas de boa saúde mental”, compreende a tutora do Portal Educação, psicóloga Denise Marcon.

O pesquisador ressalta que o grande foco dos estudos anteriores sobre o tema tem sido a influência genética - seriam as nossas tendências herdadas que ditariam nossas respostas psicológicas e comportamentais para o tipo de situações, e o estresse que a vida sempre joga sobre nós.

Entre os próximos passos do pesquisador está o de estudar, paralelamente, os aspectos psicológicos e genéticos, e assim, identificar o peso de cada um dos fatores na saúde mental dos adultos.

Leia Também