segunda, 16 de julho de 2018

Enersul ampliará capital em R$ 70 milhões

6 OUT 2010Por Edivaldo Bitencourt01h:52



A Empresa Energética de Mato Grosso do Sul (Enersul) anunciou emissão de novas ações ordinárias para elevar o capital social em 9,98%. A capitalização de R$ 70 milhões faz parte da estratégia do Grupo Rede, controlador da concessionária, de reduzir as dívidas e ampliar os recursos para realizar investimentos para reduzir as perdas no setor de distribuição de energia.
Conforme o edital, publicado ontem, serão emitidos 5,3 bilhões em ações ordinárias para ampliar o patrimônio líquido, que deverá oscilar de R$ 701,8 milhões, conforme o balanço do segundo trimestre deste ano, para R$ 771,8 milhões. O presidente do conselho de administração, Jorge Queiroz de Moraes Júnior, convocou a assembleia geral para fixar o prazo para o exercício do direito de preferência na subscrição das ações pelos acionistas e da destinação das sobras. A reunião do conselho será no dia 20 deste mês na sede da empresa em Campo Grande.

Dívidas
Conforme a Moody’s Investor Service, o Grupo Rede tinha anunciado, há dois meses, o lançamento de R$ 600 milhões em novas ações ordinárias, sendo R$ 530 milhões para a Centrais Elétricas do Pará (Cepal) e R$ 70 milhões à Enersul. A agência avalia que a capitalização é importante para a recuperação financeira das concessionárias, que possuem dívidas de curto prazo e precisam realizar investimentos vultosos para reduzir as perdas no sistema de distribuição.
Responsável pelo abastecimento de energia em 73 dos 78 municípios sul-mato-grossenses, a Enersul acumula dívidas de R$ 1,0,49 bilhão, sendo R$ 363,7 milhões de curto prazo, segundo o relatório do segundo trimestre deste ano. Já os débitos de longo prazo somam R$ 686 milhões, dos quais R$ 590,6 milhões com empréstimos e financiamentos.

Mercado
O edital prevê a comercialização de cada mil lotes de ações por R$ 13,208. Ontem, na Bolsa de Valores de São Paulo, as ações do grupo registram queda de até 10,07%, que é o caso da Rede3, cotada a R$ 5,71 no fechamento. Já as ações da Rede 4 aceleram a queda no final do pregão, atingindo -3,86%, e fechando em R$ 5,97.
O Correio do Estado procurou a concessionária ontem, mas a diretoria de relação com os investidores deverá se pronunciar hoje.

Leia Também