Enersul abre concurso cultural

Enersul abre concurso cultural
15/08/2010 06:48 -


SCHEILA CANTO

A Rede de Energia e Enersul abriram inscrições e as mantêm até o dia 5 de outubro, o Concurso Cultural Energias do Mundo, cujo objetivo é fomentar trabalhos artísticos produzidos por alunos de escolas públicas de Ensino Fundamental – 4º ao 7º ano  –  de  diversas regiões brasileiras, sobre tema ambiental.
A iniciativa tem parceria com Casa Redonda Produções e com a Associação Cidade  Escola Aprendiz. A  Enersul  e a Rede Energia, por meio dos seus programas sociais envolvendo educação e arte, apresentaram para professores da rede pública de ensino  o  projeto  educativo “Concurso Cultural Energias do Mundo”, que oferece possibilidades para que professores e alunos possam estabelecer reflexões e práticas sobre o tema “A história das energias no mundo: passado, presente e futuro”.  
Assim, os estudantes podem ampliar seus conhecimentos sobre o assunto e expressar-se por meio da arte.
Serão aceitos trabalhos artísticos produzidos por grupos de dois a quatro alunos,  que podem explorar técnicas  como colagem, escultura, pintura, desenho ou qualquer outra linguagem ligada às artes visuais. Os melhores terão reconhecimento com publicação nacional e prêmios que vão de câmeras fotográficas para alunos e a notebooks para  professores.
Mais informações sobre o material paradidático podem ser encontradas no site www.energiasdomundo.com.br.
smaple image

Fique por dentro

Fique sempre bem informado com as notícias mais importantes do MS, do Brasil e do mundo, direto no seu e-mail.

Quero Receber

Felpuda


Princípio de "rebelião" política no interior de MS, fomentada por grupo interessado em tomar o poder, não prosperou. Quem deveria assumir o "comando da refrega", descobriu que, além da matemática ser ciência exata, há "prova dos nove". Explica-se: é segunda suplente, pois não conseguiu votos necessários nas últimas eleições, mas assumiu o cargo porque a titular licenciou-se, assim como o primeiro suplente. Caso contrarie a cúpula, seria aplicada a tal prova e, assim, "noves fora, nada".