Campo Grande - MS, domingo, 19 de agosto de 2018

CAMPO GRANDE

Endividadas, famílias 'freiam' o consumo

22 MAR 2011Por da redação15h:32

A pesquisa mensal da CNC (Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo) mostra que as famílias campo-grandenses reduziram a intenção de consumo neste mês de março em 5,2% comparado a fevereiro.

“O que ocorre, como percebemos na pesquisa de endividamento, é que aumentou o número de famílias que assumiram novos compromissos no cartão de crédito, crediário, cheque pré-datado, seguros ou prestação de carro e casa. Isso faz com que os consumidores tenham cautela e manifestem menor intenção de consumo a curto prazo”, avalia o presidente da Fecomércio MS (Federação do Comércio de Mato Grosso do Sul), Edison Araújo.

A intenção de consumo considera a avaliação das famílias quanto ao emprego atual, perspectiva profissional, renda atual, acesso a crédito, nível de consumo atual, perspectiva de consumo e momento para duráveis. O aspecto que teve maior retração, de 7,7%, foi a percepção de acesso ao crédito. “Isso já reflete o aumento dos juros no crédito pessoal, determinado pelo governo federal como medida para combater a inflação”, diz o presidente da Fecomércio.

Apesar de as perspectivas profissionais também terem diminuído, quando questionadas sobre a possibilidade de o chefe do domicílio ter alguma melhoria profissional para os próximos seis meses, 58,1% responderam afirmativamente.

Leia Também