Sábado, 24 de Fevereiro de 2018

VÉSPERA DE NATAL

Empresas colocam mais 850 ônibus extras

24 DEZ 2010Por DANIELLA ARRUDA00h:00

Movimento de passageiros na estação rodoviária Antônio Mendes Canale, em Campo Grande, aumentou 150% ontem por causa das viagens para as festas de fim de ano, passando de duas mil para cinco mil pessoas por dia. Conforme estimativa da Socicam, empresa que administra o terminal, aproximadamente 30 mil pessoas deverão deixar Campo Grande por meio do terminal rodoviário até o dia 28 deste mês, para aproveitar o feriado de Natal. A expectativa é que 55 mil passageiros utilizem o transporte rodoviário na capital durante o período.

O aumento da demanda também já afetou a programação das empresas de ônibus em operação no terminal, que haviam reservado 681 veículos extras para o período. Até ontem, o número de ônibus extras já havia saltado para 850 veículos. De acordo com informações da supervisora da estação rodoviária, Soeli Rebelo, em dias normais, passam pelo terminal em torno de 300 ônibus (entre embarque e desembarque), mas agora esse número já ultrapassa os 500 veículos diários. "Antes não havia lotação completa, muitos veículos saíam com pouco mais de 15 passageiros. Agora, as empresas nos informaram que os ônibus estão saindo lotados e também estão sendo colocados os ônibus extras", comentou.

Embora estivesse acima do normal, viajantes classificaram como tranquilo o movimento no terminal rodoviário. "Tem bastante gente, mas, por enquanto, ainda tem onde sentar", afirma a dona de casa, Marilene Santos, 44 anos, que viajou ontem para Cascavel, no Paraná, onde vai passar o Natal com a família.

Ontem, não havia filas para usar os banheiros, para pagar o estacionamento e nem os guichês da venda de passagens. "Fica mais tumultuado na hora do embarque, se é que a gente pode chamar de tumulto, porque para embarcar tem que fazer fila mesmo", afirma a supervisora.

Orientação
Por conta do grande movimento, Soeli Rebelo aconselha que os passageiros não deixem a compra das passagens para a última hora, pois há risco de não conseguirem vaga. Outra recomendação da Socicam, para quem viaja com crianças, é que toda a documentação delas (certidão de nascimento ou carteira de identidade) estejam à mão, para evitar problemas no embarque.

Os destinos mais procurados pelos passageiros em Mato Grosso do Sul são as cidades de Bandeirantes, Bonito, Corumbá, Coxim, Dourados, Ponta Porã, Ribas do Rio Pardo, Rio Verde e Terenos, enquanto fora do Estado a procura de passagens é para as cidades de Cuiabá (MT), Curitiba (PR), Florianópolis (SC), Rio de Janeiro (RJ), São Paulo
(capital) e Ribeirão Preto. (colaborou Anahi Zurutuza)

 
 

Leia Também