Campo Grande - MS, quarta, 15 de agosto de 2018

Mostra

Empresas buscam maneiras de reduzir impacto ambiental

1 JUN 2011Por Laís Camargo15h:15

O que há pouco tempo era uma realidade distante, hoje está consolidado em soluções. Garrafas pet são reaproveitadas, técnicas de manejo do solo são ensinadas a crianças e até tubos de pasta de dente se transformam em telhas. Na 3ª Mostra de Soluções Sustentáveis, que começou ontem e vai até amanhã (2 de junho) no Golden Class, em frente ao Albano Franco das 14h às 21h.

Para quem não tem ideia das ações ecológicas existentes em Mato Grosso do Sul, a mostra faz um bom apanhado: ongs, vidro reciclado, bonsai, madeiras recicladas e de reflorestamento, biojoias, soluções para diminuir poluentes de carros, roupas de algodão cru, ecoturismo, enfeites e bijuterias utilzando materiais curiosos como bagaço de cana, rolhas e panos, entre outros.

Dentre os destaques para o dia-a-dia estão as telhas de tubo de pasta de dente, revestimentos coloridos feitos de garrafa pet, objetos decorativos em vidro reaproveitado e tingido com óxidos minerais e intruções para as crianças. Ontem, várias escolas estaduais visitaram o local e há outras visitas programadas para todos os dias. A ideia é incentivar a preocupação ambiental desde já, para evitar danos conscientes ao ecossistema.

Contudo, ainda é possível notar a falta de incentivo a estas ações nos preços dos produtos. Embora reciclados, reaproveitados ou 100% orgânicos, uma camiseta biodegradável, por exemplo, chega a custar R$ 90.
 

Leia Também