Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Campo Grande

Empresa é autorizada para instalar crematório na Avenida Tamandaré

19 FEV 14 - 16h:20da redação

O Diário Oficial de Campo Grande (Diogrande) trouxe na edição desta quarta-feira (19) a concessão para a empresa Crematório Campo Grande LTDA para explorar o serviço pelo período de um ano.

A publicação esclarece que a instalação recebeu licença ambiental da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano (Semadur) e irá funcionar na Avenida Tamandaré, no loteamento Monte Alto.

O projeto que autoriza o funcionamento de crematórios na Capital, aprovado em novembro do ano passado na Câmara Municipal, é de autoria do vereador Eduardo Romero, PT do B, que destacou a importância ambiental da medida. “A Capital é cortada por 33 córregos e banhada por duas bacias hidrográficas, a do Paraná e do Paraguay e que a contaminação do solo e do lençol freático com o chumbo – liberado na decomposição dos corpos – traz o risco de não haver, a longo prazo, água potável para o consumo dos campo-grandenses”.

O vereador lembra que a ideia não é para cremação obrigatória e sim alternativa, uma vez que cada família tem o direito de escolher de que fora vai agir no momento de perda.

Campo Grande tem três cemitérios municipais (Cruzeiro, Santo Amaro e Santo Antônio) e todos estão operando quase que na capacidade máxima de sepultamentos, o que também colaborou para a propositura. “Os cemitérios são fontes causadoras de impactos ambientais preocupantes, principalmente quando suas localizações são irregulares ou próximos de residências. Não queremos tirar o direito das famílias sepultarem seus entes e nem questionar ou desrespeitar a religiosidade, mas estamos apresentando alternativa moderna que preserva o meio ambiente e dá ao município soluções administrativas nesse assunto”, explica o vereador.

Esse artigo foi útil para você?
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

BRASIL

Fortaleza: Bombeiros buscam sobreviventes em prédio que ruiu; uma pessoa morreu

ECONOMIA

Pan, BMG e Bradesco lideram ranking de reclamações contra bancos do BC

ECONOMIA

Superintendência do Cade decide arquivar inquérito contra bandeiras de cartões

BRASIL

Quadrilha desviava cartões de crédito remetidos pelos Correios

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião