Quinta, 22 de Fevereiro de 2018

HORÁRIO DE PICO

Empreiteira para trânsito para reparar trecho de asfalto novo

16 OUT 2010Por Silvia Tada08h:00



No fim da tarde de ontem, em um dos horários de maior movimento de veículos, o motorista que transitava pela Via Morena, entre o Aeroporto Internacional de Campo Grande e o Comando Militar do Oeste (CMO), teve de enfrentar obras de reparo no asfalto feito recentemente. O Correio do Estado, na edição de ontem, publicou matéria mostrando que, apesar de ter sido liberada para o trânsito há 45 dias, a pista teve de passar por reparos e, em alguns pontos, pequenos buracos começavam a aparecer.
E foi justamente para consertar as falhas que os operários trabalhavam, enquanto condutores ficavam sem entender a escolha inapropriada do horário. Conforme motoristas que passaram pelo local, o tempo de espera para passar pelo trecho chegou a 20 minutos, já que cada lado da pista era liberado por vez.
“Acho um horário ruim para obras de reparo, principalmente em uma sexta-feira, entre 17h e 18h. Eu, que estou no sentido centro-bairro, fiquei 20 minutos aguardando, imagine quem está no sentido contrário, onde a fila está maior”, relatou o estudante Paulo Henrique de Brito Peralta, morador do Bairro Nova Campo Grande.
A empreiteira não realizava um tapa-buracos, mas uma operação maior: retirou todo o asfalto, refez a terraplanagem para depois depositar nova camada de lama asfáltica.

Justificativa
Anteontem, o prefeito de Campo Grande, Nelsinho Trad, explicou que o motivo da intervenção na via recém-terminada foi o conserto da rede de esgoto construída sob a pista, que estava caindo no Córrego Imbirussu e precisava ser desviado. Na ocasião, o administrador público garantiu que as fissuras no asfalto seriam consertadas antes da inauguração, prevista para o fim do ano.
As obras estão 70% prontas. São investidos R$ 13,9 milhões, com previsão de beneficiar 73 mil pessoas, diretamente, e 200 mil de forma indireta.

Leia Também