Sexta, 15 de Dezembro de 2017

mercado

Emissões de renda fixa caem 16,8% no Brasil

15 JAN 2014Por Folhapress00h:00

As emissões de renda fixa no Brasil caíram 16,8% em 2013 na comparação com o ano anterior, a R$ 107,3 bilhões, informou a Anbima (Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiro e de Capitais).

A queda foi influenciada principalmente pela redução de 26,2% nas emissões de debêntures, títulos de dívidas de empresas privadas, no ano passado. Enquanto em 2012 essas emissões somaram R$ 89,6 bilhões, em 2013 o montante caiu para R$ 66,1 bilhões.

Apesar disso, o número de ofertas passou de 243 em 2012 para 250 no ano passado.

Ao todo, o mercado de capitais brasileiro somando renda fixa e renda variável captou R$ 211,2 bilhões, queda de 11,7% na comparação com o ano anterior, quando o resultado foi de R$ 239,1 bilhões.

As emissões de renda variável atingiram R$ 23,9 bilhões no ano passado, ante R$ 14,3 bilhões em 2012.

Houve crescimento de 301,6% no volume de IPOs (ofertas iniciais de ações) no ano passado, para R$ 17,7 bilhões, ante R$ 4,4 bilhões no ano anterior.

As emissões brasileiras de dívida no mercado externo que incluem bônus e outros papéis somaram US$ 36,2 bilhões em 2013, queda de 28,4% na comparação com os US$ 50,5 bilhões de 2012. 

Leia Também