Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

REPRESSÃO

Em três dias, Policiais Militares prendem oito foragidos da Justiça em Campo Grande

30 JUL 12 - 18h:00DA REDAÇÃO

Durante rondas e abordagens rotineiras durante o último final de semana (27 a 29) policiais militares do 1º BPM prenderam oito foragidos da Justiça em vários bairros na Capital.

Um homem de 36 anos foi preso sábado, após ser abordado pela PM no centro de Campo Grande. Segundo denúncias ele comercializava drogas na Rua Barão do Rio Branco esquina com Joaquim Nabuco. Ao ser checado pelos policiais, foi constatado que ele era evadido da Colônia Penal Agrícola. Também foi capturada na Rua Sete de Setembro uma mulher de 38 anos, ela estava com um mandado de prisão em aberto.

Ainda no, foram presos mais dois homens, um no Bairro Almeida Lima e outro no Jardim Panamá. 

Outro evadido da Colônia Penal Agrícola foi preso no domingo (29). Após denúnciasm os policiais militares o localizaram em sua residência no Jardim Tijuca. Também um adolescente foi apreendido no Jardim Batistão, contra ele havia um mandado de busca e apreensão expedido pela Vara da Infância e Juventude de Campo Grande.

As outras prisões ocorreram na sexta–feira (27), uma no Bairro Zé Pereira e outra na Avenida Marechal Deodoro, próximo ao Terminal Aero Rancho. 
 

Esse artigo foi útil para você?
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Escola de MS cancela show com MC Gui após polêmica na Disney

Cantor teria cometido bullying com uma criança com câncer; MC nega acusações
'Zeca é como se fosse o Lula para a gente', diz Cabo Almi

'Zeca é como se fosse o Lula para a gente', diz Cabo Almi

Regras de vistoria mudam e 80% dos comércios serão dispensados
CERTIFICADO

Regras mudam e 80% dos comércios serão dispensados de vistoria

Mesmo com horário estendido, postos ficam vazios e UPAs lotadas
SOLUÇÃO

Mesmo com horário estendido, postos ficam vazios e UPAs lotadas

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião