Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

INOVAÇÃO

Em pré-moldados, UEMS fica pronta
até dezembro

5 JAN 14 - 00h:00DA REDAÇÃO

Tendência na construção civil, as obras pré-moldadas cada vez mais ganham força em Mato Grosso do Sul e até o final do ano, o Estado deve receber a primeira obra pública construída nesta modalidade, conforme reportagem na edição de hoje do jornal Correio do Estado. O empreendimento em questão é a unidade universitária da Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul que está sendo erguida ao lado do Centro de Pesquisas da Agraer, na MS-080, saída para Rochedo, em Campo Grande. Obra limpa e três vezes mais rápida do que as convencionais, são algumas das vantagens do negócio.

De acordo com o secretário de Estado de Obras Públicas e Transportes, Edson Giroto, se fosse construída da maneira convencional, a unidade demoraria até dois anos para ser finalizada, mas levará até seis meses, depois que as partes começarem a ser montadas. “Temos que fazer concepção de acordo com a necessidade. Não se pode mais fazer obra de forma tradicional. O Brasil está passando por mudanças muito rápidas e temos que buscar esse processo de tecnologia, inclusive na construção civil”, disse Giroto.

Segundo a reportagem de Laura Holsback, por enquanto, a obra está na fase de terraplanagem e arruamento. O prazo para que as partes pré-fabricadas comecem a ser colocadas é de 120 dias. As empresas vencedoras de licitações, conforme Giroto, já produzem as peças de concreto que darão formato à estrutura. A previsão é que seja entregue até o final de 2014. 

Esse artigo foi útil para você?
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Confira o seu astral para esta sexta-feira
OSCAR QUIROGA

Confira o seu astral para esta sexta-feira

CORREIO DO ESTADO

Confira o editorial desta sexta-feira: "Retomada consistente"

ARTIGO

Antonio Carlos Siufi Hindo: "República do baronato"

Promotor de Justiça aposentado
OPINIÃO

Juliana Maria Garippe: "Ser on-line é saber da importância do off-line"

Gerente de relacionamento

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião