HOMICÍDIO

Em Dourados, rapaz é morto com dois tiros na testa

Em Dourados, rapaz é morto com dois tiros na testa
17/06/2012 16:52 - DA REDAÇÃO


Anderson de Jesus Alves Leonel, de 26 anos, morador de Alta Floresta (MT), que estava há 40 dias em Dourados (MS) a trabalho, foi morto com dois tiros na testa em uma república onde estava morando na Rua S 29, Parque das Nações II Plano.

Segundo informações, por volta das 7h de hoje (17), um homem em uma motocicleta chegou ao local procurando por uma pessoa chamada Valdir, que também mora na residência. Um outro morador da república viu o motoqueiro, abriu a janela, disse que Valdir ainda não havia chegado e voltou a dormir.

Enquanto estava deitado, ouviu tiros, mas achou que não era na casa e não levantou para ver o que estava acontecendo. Quando se levantou, por volta das 11h, viu que Anderson estava baleado com dois tiros. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado, mas quando chegou até o local, a vítima já estava morta. A polícia suspeita que a vítima, provavelmente, tenha morrido por engano e também desconfia que ele estivesse dormindo na hora em que foi morto.

(Com informações do Dourados News)

smaple image

Fique por dentro

Fique sempre bem informado com as notícias mais importantes do MS, do Brasil e do mundo, direto no seu e-mail.

Quero Receber

Felpuda


Princípio de "rebelião" política no interior de MS, fomentada por grupo interessado em tomar o poder, não prosperou. Quem deveria assumir o "comando da refrega", descobriu que, além da matemática ser ciência exata, há "prova dos nove". Explica-se: é segunda suplente, pois não conseguiu votos necessários nas últimas eleições, mas assumiu o cargo porque a titular licenciou-se, assim como o primeiro suplente. Caso contrarie a cúpula, seria aplicada a tal prova e, assim, "noves fora, nada".