terça, 17 de julho de 2018

Elias avisa Forlán: "se quiser ser freguês vai para o São Paulo"

6 DEZ 2010Por Terra15h:20

De saída do Corinthians para o Atlético de Madrid, da Espanha, o meia Elias não perdeu a oportunidade de cutucar pela última vez o rival São Paulo. O jogador aconselhou seu futuro companheiro de clube, o uruguaio Diego Forlán, cogitado na equipe do Morumbi, a transferir-se apenas se quiser ser "freguês" do time de Parque São Jorge.

"Se ele quiser ser freguês, vai para o São Paulo", disse o jogador após a Bola de Prata, premiação oferecida pela revista Placar no Estádio do Pacaembu. O Corinthians não perde para o rival do Morumbi desde 2007. De lá para cá, foram sete vitórias da equipe alvinegra e quatro empates.

Após o empate por 1 a 1 com o Goiás neste domingo, responsável pelo Corinthians encerrar o Campeonato Brasileiro apenas na terceira colocação, Elias mostrou-se bastante emocionado com a decepção em sua despedida do clube, mas afirmou que não havia como recusar a proposta feita pelo time espanhol.

"Quando um clube grande da Europa quer contratar, vem, contrata e pronto. O futebol brasileiro está crescendo, mas ainda não tem esse dinheiro para competir", disse o agora ex-camisa 7 corintiano. "Fui aconselhado pelo Ronaldo e pelo Roberto Carlos. Era uma proposta muito boa, não tinha como recusar", afirmou também.

Elias, no entanto, disse que poderia repensar sua transferência para a equipe espanhola caso marcasse o gol do título do Campeonato Brasileiro - em especial, no primeiro tempo, quando chutou para fora uma chance de frente para o gol de Fábio. "Se eu fizesse o gol, ia ficar tão emocionado que podia até cancelar a viagem", brincou.

O volante fez questão de elogiar o técnico da Seleção Brasileira, Mano Menezes, afastando os rumores de uma briga entre os dois. Elias classificou o treinador como um "pai" e o principal responsável por sua boa fase durante a temporada 2010. "Foi o cara que me contratou e deu o carinho que eu precisava", assegurou.

Leia Também