Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

VIRTUAL

Eletrodoméstico foi produto mais comprado por internautas

23 MAR 11 - 00h:02INFOMONEY

Livros, CDs e DVDs não são mais os produtos mais comprados pela internet pelos brasileiros. Em 2010, quem assumiu a liderança foram os eletrodomésticos.

Os dados constam em pesquisa realizada pela e-bit, em parceria com a camara-e.net (Câmara Brasileira do Comércio Eletrônico) e divulgada ontem (22).

“Houve uma mudança de comportamento não só do consumidor, mas das lojas ao longo dos últimos anos. Em 2001, os mais vendidos eram CDs, DVDs e livros, que tiveram impacto negativo de downloads que podem ser realizados pela internet”, afirmou o diretor de Marketing e Produtos da e-bit, Alexandre Umberti.

Mercado
No ano de 2010, a indústria de comércio eletrônico faturou R$ 14,8 bilhões, o que representou um acréscimo de 40% frente ao ano anterior.

As categorias mais vendidas foram Eletrodomésticos (14%), Livros, Assinaturas de Revista e Jornais (12%), Saúde, Beleza e Medicamentos (12%), Informática (11%) e Eletrônicos (7%).

Os bons resultados do ano passado, de acordo com a e-bit, podem ser creditados ao incremento de vendas que o ano teve em períodos específicos, como a Copa do Mundo. O evento colaborou efetivamente para o aumento na venda de televisores de tela fina, especialmente aparelhos LCD.

De acordo com o diretor-geral da e-bit, Pedro Guasti, o que se percebe é que o brasileiro está comprando mais na internet e também optando por produtos de maior valor agregado, mais precisamente notebooks, desktops e televisores de tecnologia avançada.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

BRASIL

Foi preciso coragem para publicar MP dos balanços, diz Bolsonaro

BRASIL

'Se for para ser um banana, um poste, estou fora', diz Bolsonaro

Obras da alça que dá acesso ao Rio Paraguai é prioridade, diz governador
ROTA BIOCÊANICA

Obras da alça que dá acesso ao Rio Paraguai é prioridade, diz governador

BRASIL

Ministro da Cidadania suspende edital com séries LGBT, após críticas de Bolsonaro

Mais Lidas