Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Campo Grande - MS, segunda, 19 de novembro de 2018

Eleitor saberá quem doou a candidato, mas não a partido

25 AGO 2012Por terra06h:00

Após a divulgação pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) da primeira prestação de contas dos candidatos que disputam as prefeituras municipais, os eleitores não terão conhecimento sobre quem realizou doações aos partidos. Apesar da Justiça Eleitoral divulgar a lista parcial pela primeira vez antes da eleição, os partidos não são obrigados a colocar todos os doadores nessa primeira fase.

Em cumprimento à Lei de Acesso à Informação, a lista de doadores e fornecedores contêm os dados declarados pelos candidatos em 2 de agosto, quando encerrou-se o prazo para entrega da primeira prestação parcial. Os candidatos têm até o dia 2 de setembro para apresentar a segunda prestação parcial, a ser divulgada na internet no dia posterior. O mesmo não é exigido aos partidos, que podem declarar os fornecedores após o pleito.

Segundo o TSE, os dados declarados podem ser pesquisados por ítens como Estado, município, partido, cargo, nome ou CPF do candidato, nome do doador e valor da receita. É a primeira vez que a Justiça Eleitoral disponibiliza a lista com a identificação dos doadores e fornecedores contratados durante a campanha eleitoral. 

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também