Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

custo-benefício

Eleitor de Campo Grande é o ‘mais caro’ do País

10 SET 12 - 00h:00Juliene Katayama

O eleitor de Campo Grande é o “mais caro” do País. Os sete candidatos a prefeito da Capital arrecadaram até agora R$ 5,6 milhões. O “custo-eleitor” na capital sul-mato-grossense, com um total de 561,6 mil eleitores, é de R$ 9,99, quase três vezes a média entre as 26 capitais que é de R$ 3,90, segundo levantamento da Folha nas prestações de contas dos candidatos a prefeito de capitais.

O deputado federal Edson Giroto (PMDB), que disputa a Prefeitura de Campo Grande, lidera o ranking entre os candidatos com mais dinheiro em caixa por eleitor. O peemedebista já arrecadou R$ 3,5 milhões, o que representa R$ 6,35 para cada morador que pode ir às urnas em outubro.

O líder nacional em volume de arrecadação é apenas o 37º colocado nessa lista. Fernando Haddad, o candidato a prefeito de São Paulo pelo PT, tem até agora R$ 10 milhões nos cofres da campanha. Mas, diante dos 8,6 milhões de eleitores registrados da capital paulista, sua média de doações por eleitor fica em R$ 1,17.

Leia mais no jornal Correio do Estado.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

“Alerta Lobo” traz suspense a uma profissão sem tanto glamour
O SOM DO PERIGO

“Alerta Lobo” traz suspense a uma profissão sem tanto glamour

FUNCIONAMENTO SEXTA

Febrabam informa que agências bancárias funcionarão na sexta (21)

Contas com vencimento no dia 20 de junho serão pagas sem juros
Oficinas da VII Pantalhaços estão com inscrições abertas
TEATRO

Oficinas da VII Pantalhaços estão com inscrições abertas

Nelson Gonçalves completaria 100 anos nesta sexta e receberá homenagens
MÚSICA

Nelson Gonçalves completaria 100 anos nesta sexta e receberá homenagens

Mais Lidas