Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Campo Grande - MS, segunda, 19 de novembro de 2018

"Ele está muito vivo", diz viúva de Presley

5 SET 2012Por cidadeverde.com02h:00
Certamente você já ouviu alguma das inúmeras teorias de que Elvis Presley permanece vivo, escondido em algum lugar do mundo para não ficar exposto ao assédio da mídia. Priscilla Presley, viúva do cantor, é uma das que acreditam nesta máxima. "Elvis não morreu, ele está muito vivo", afirmou ela durante a coletiva de apresentação da exposição The Elvis Experience, que traz a São Paulo cerca de 600 itens para a apreciação dos fãs e curiosos.
 
 
"Ele está vivo e é por isso que estou trazendo esta exposição ao Brasil. Foi muito difícil para muitos fãs aceitarem a morte dele, mas o legado que ele deixou foi tão grande que fez isso valer a pena", disse Priscilla.
 
Esta é a primeira vez que a família de Elvis autoriza a retirada de itens de Graceland - mansão localizada em Memphis, que foi transformada em um museu sobre a história do cantor - para uma mostra tão gigantesca. O trabalho para instalar a tenda de 1200 m2 no estacionamento do shopping Eldorado e trazer a São Paulo todos os itens custou cerca de R$ 10 milhões.
 
"Uma estrutura temporária como esta é muito mais cara que se fosse na Oca. Quando conversamos sobre a vinda destes itens ao Brasil, eles aceitaram justamente pelo fato de não ser em um museu. O Louvre e outros grandes museus do mundo tentaram fazer o mesmo, mas não conseguiram, pois a família sempre preferiu que os fãs fossem a Graceland. O Elvis era um artista popular e nada mais justo que fazer este projeto num lugar de fácil acesso. O museu distancia um pouco as pessoas, nem todo mundo tem o costume de ir", disse Rafael Reisman, presidente da 2Share Entertainment, empresa responsável pela vinda da exposição ao Brasil.
 
Entre os itens expostos encontram-se objetos icônicos e grandes paixões do cantor, como o famoso carro MG vermelho usado por Elvis no filme Feitiço Havaiano – Blue Hawaii, duas Ferraris, o telefone de ouro que ficava na cabeceira de sua cama e o famoso figurino American Eagle, usado em 1973 no especial Aloha from Hawaii, primeiro concerto transmitido via satélite no mundo. "Pesa mais de 13 kg", disse Priscilla. A peça tem um seguro estimado em US$ 5 milhões.
 
"O que há de mais interessante nesta exposição é que não mostra somente a carreira musical e cinematográfica de Elvis. Traz também muitas questões pessoais, para que entendam o ser humano que ele era, quem ele era e porque se tornou esta pessoa", comentou Priscilla.
 
The Elvis Experience estará aberta para visitação até o dia 5 de noevmbro. Os ingressos variam de R$ 20 a R$ 200 e estão à venda no site da Ingresso Rápido. As visitas são feitas com horário marcado, de segunda a segunda, das 10h às 22h.
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também