sexta, 20 de julho de 2018

Exploração mineral

Eike Batista é o maior detentor de direitos sobre o solo de MS

18 JUN 2012Por VINÍCIUS SQUINELO00h:02

O homem mais rico do Brasil, Eike Batista, é também o maior detentor de direitos de exploração mineral em território do Mato Grosso do Sul. Pessoalmente, ou em nome de empresas, o bilionário controla 9.362,98 hectares do Estado.

A exploração do subsolo no Brasil é feita em duas etapas. Primeiro, a empresa precisa obter alvará de pesquisa, para depois realizar a exploração propriamente dita. Porém, as duas fases podem ter um longo tempo de distância entre uma e outra. Por isso a importância do alvará, que impede que o território em questão seja explorado por outra empresa.

Eike, por exemplo, explora minério de ferro no Estado, através da MMX Corumbá, em uma área de 1.611 hectares. Os outros 7.781 hectares, mesmo sem o processo de mineração, já estão reservados ao bilionário. Os dados foram obtidos junto ao Departamento Nacional de Produção Mineral (DNPM), e vieram à tona graças a nova Lei de Acesso à Informação. Porém, órgão ainda possui um levantamento parcial da autorização de pesquisa no Estado. 

Leia mais no Correio do Estado

Leia Também