Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

sábado, 23 de fevereiro de 2019 - 20h07min

Eleições 2010

Dourados só não terá candidato a governador

29 JUN 10 - 06h:37
Fábio Dorta, de Dourados

Segundo maior colégio eleitoral de Mato Grosso do Sul com mais de 130 mil eleitores, Dourados terá candidatos em todos os níveis nas eleições deste ano. Faltando apenas as definições dos suplentes na chapa do senador Delcídio do Amaral (PT), políticos douradenses já garantiram participações nas chapas majoritárias do governador André Puccinelli (PMDB) e do ex-governador José Orcírio dos Santos (PT).

Na chapa de Orcírio a candidata a vice-governadora será a advogada Tatiana Ujacow (PV). Tatiana reside há cerca de quatros anos em Campo Grande, mas nasceu e passou a maior parte da vida em Dourados, atuando como advogada, professora universitária e escritora.
Na chapa de Puccinelli são duas candidaturas majoritárias, ambas do Democratas. O vice-governador Murilo Zauith vai disputar o Senado, enquanto o vereador e presidente do diretório municipal do DEM, Gino Ferreira, será segundo suplente na chapa de senador do deputado federal Waldemir Moka (PMDB).

Para a Câmara dos Deputados estão confirmadas as candidaturas à reeleição de Geraldo Resende e Marçal Filho, ambos do PMDB, e dos petistas João Grandão e Elias Yishi, além do vereador Humberto Teixeira Júnior (PDT).

O ex-prefeito Laerte Tetila (PT) e o vereador Dirceu Longhi (PT) tentarão vaga na Assembleia Legislativa, assim como o deputado estadual Zé Teixeira (DEM), os vereadores Sidlei Alves (DEM) e Marcelo Barros (DEM), o ex-vice-governador George Takimoto (PSC), o empresário Rubens Triaca (PV) e o vereador Aurélio Bonatto (PDT).
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

BRASIL

Saída de Bebianno muda relação do governo Bolsonaro com o Congresso

CORREIO B

Às vésperas do início do Carnaval, febre neon inspira famosas e domina comércio popular

BRASIL

Governo informa que dois caminhões com ajuda entraram na Venezuela

BRASIL

Bolsonaro resgata medidas rígidas que foram propostas pelo PT

Mais Lidas