Segunda, 11 de Dezembro de 2017

BADERNA

Dois shoppings da zona leste conseguem liminar contra 'rolês'

16 JAN 2014Por FOLHA PRESS19h:00

 Mais dois shoppings da zona leste de São Paulo conseguiram liminar (decisão provisória) na Justiça hoje para evitar novos "rolezinhos". Esse tipo de evento tem reunido centenas de jovens, chamados por redes sociais, e já provocou tumulto em alguns centros comerciais.
Os shoppings Metrô Tatuapé e Boulevard Tatuapé são apontados como local de novos eventos nos dias 18 e 26 de janeiro e em 22 de fevereiro. Também já tinham conseguido liminar na Justiça para evitar os "rolezinhos" os shoppings Campo Limpo e JK Iguatemi.

Na decisão que favorece os dois shoppings da zona leste, o juiz Luis Fernando Nardelli, da 3ª

Vara Cível, afirma que "é cediço que a liberdade de expressão prevista na constituição não abarca a violência, tampouco prejuízo aos usuários e aos outros lojistas. É de rigor estabelecer o limite e impedir a aglomeração de pessoas cujo objetivo precípuo é a realização de tumulto e vandalismo".

A decisão abrange a parte interna e externa, incluído estacionamento, sob pena de R$ 10.000 por dia a ser aplicada a cada manifestante identificado.

Shoppings fechados

Hoje, os shoppings Campo Limpo e Jardim Sul, ambos na zona sul de São Paulo, fecharam as portas no final da tarde devido ao medo de novos "rolezinhos". O shopping Campo Limpo tinha inclusive conseguido uma liminar contra o evento.

Os "rolezinhos" programados para acontecer nos dois centros comerciais tinham sido chamados por movimentos de sem-teto. Mesmo com o fechamento e com a decisão da Justiça, centenas de pessoas se concentraram e caminharam até os dois locais.

O ato era acompanhado por PM e seguia de forma pacífica no início da noite.
 

Leia Também