Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Documentários e programas de canal fechado homenageiam as mulheres no mês de março

2 MAR 10 - 05h:55
Em comemoração ao Dia Internacional da Mulher, 8 de março, as mulheres serão homenageadas pela programação do GNT ao longo do mês. Documentários enfocam ilustres personagens da vida real, bem como temas de interesse do universo feminino. E a programação nacional não faz por menos: discute o que toda mulher precisa saber. A faixa “GNT.doc” apresenta “Susan Boyle: do sonho à realidade” no dia 18 de março. O documentário inédito mostra os passos da cantora durante o programa “Britain’s got talent”, um concurso inglês de talentos no qual ela alcançou a fama cantando “I dreamed a dream”, do musical “Os miseráveis”. O filme traz entrevistas e registra o encontro musical de Susan com convidados, como a cantora Elaine Paige e outros do elenco do musical que a inspirou. No dia 9, vai ao ar o documentário inédito “Mulheres contra a violência”. O programa conta a história de quatro mulheres, identificadas apenas pelo primeiro nome, que sofreram violência doméstica. Elas contam como foi possível sobreviver e perseverar sob condições tão adversas. Um dos destaques do filme é a dificuldade dos policiais e assistentes sociais em ajudar essas mulheres que, dominadas pelo medo, preferem continuar sofrendo com a violência em casa a denunciar seus maridos. Outros documentários serão reapresentados ao longo do mês. Entre eles, estão: “Rainhas da TV Árabe”, “Noivas do cordeiro”, “O último dia da princesa Diana”, “10 dicas para perder o peso”, “Mulher em fases”, “A rainha por trás da máscara”, “Onde está meu príncipe encantado? ”, “Mulheres maduras, namorados jovens”, “Maria Bethânia - Música é perfume”, “Harry Potter: um ano na vida de J. K. Rowling”, “Isabel Allende”, “Alguém me contou sobre... Carla Bruni”, “Infinito ao meu redor - Marisa Monte”, “Mulheres no comando: Anna Wintour”, “Marilyn em Manhattan”, “Claudia Cardinale, a diva italiana”, “Paixão pelo salto alto”, “Obama e Michelle: amor no poder”, “Juventude tem limite?”, “Guia de bordeis pelo mundo” e “O penteado das estrelas”. Estreias A programação nacional do GNT também está antenada com o público feminino. Alice Braga estreia como apresentadora e comanda a nova temporada do “Superbonita”, a partir do dia 19. Em comemoração aos seus dez anos no ar, o clássico do canal passa a se chamar “Superbonita transforma”, e no formato reality show, ensina tudo que elas precisam saber sobre o mundo da beleza. E a partir do dia 26, Preta Gil faz parte da família GNT, à frente do “Vai e vem”. A atração mostra, com bom humor, que o sexo está por toda a parte. Em março, o “Marília Gabriela entrevista” retorna das férias com entrevistas inéditas. Para celebrar o mês da mulher, Gabi conversa com a atriz Juliana Paes, sucesso de público e de crítica na TV, no programa do dia 7. A cantora e atriz Emanuelle Araújo também está entre as entrevistadas do mês, no programa do dia 14. A partir do dia 17 de março, o “GNT Fashion” também inicia nova temporada inédita. A estreia é em grande estilo: a editora de moda Lilian Pacce vai para Paris acompanhar a semana de moda mais importante do mundo. Entrevistas exclusivas, dicas de endereços e da cidade, e as tendências que estarão presentes nas passarelas podem ser conferidas pelos assinantes do GNT. O “A lter n at iva saúde” também dá atenção especial às mulheres. “Feminino” é o tema do programa do dia 9, que aproveita para saber mais sobre a alma da mulher neste início de década. No dia 16, o sangue é o assunto em pauta. Dieta do tipo sanguíneo, menstruação e doação de sangue entram em debate no programa. Também em homenagem ao mês da mulher, o “Tamanho único” trata de assuntos diversos que fazem sucesso nos armários femininos. As apresentadoras Chiara Gadaleta, Chris Nicklas e Patrícia Koslinski conversam com quem faz a moda das ruas sobre os seguintes temas: águas de março (dia 5), com a atriz Vitória Frate; mais de 40 (dia 12) com a atriz Ângela Vieira; selvagem (dia 19) e novo 70 (dia 26), com a convidada Júlia Almeida.
Esse artigo foi útil para você?
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Felpuda

BRASIL

Envolvimento de agentes de saúde pode acelerar diagnóstico de câncer

BRASIL

Tratamento para doenças raras precisa de investimentos em pesquisa

BRASIL

Motorista embriagado invade lanchonete, atropela 4 e mata jovem

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião