Campo Grande - MS, quarta, 22 de agosto de 2018

ESTRADAS

Dnit começa reparos nas rodovias BR-158 e BR-262

10 MAR 2011Por ANA MARIA BARBOSA13h:30

O Departamento Nacional de Infraestrutura dos Transportes (Dnit) iniciou ontem (9), obras emergenciais de reparos na pista da BR-262 que caiu em função de fortes chuvas na região de Três Lagoas.

Ontem, cerca de 17 funcionários e máquinas de uma empreiteira terceirizada fizeram escoramento do aterro, no km 40, sentido Três Lagoas-Campo Grande, e começou a recuperar a pista. A previsão é de que hoje à tarde os trabalhos sejam concluídos, dependendo da incidência de chuva no local. Também deverá ser consertada a canalização do córrego que passa sob a rodovia e que não suportou a vazão durante as chuvas.

O tráfego na região é feito em apenas uma pista, com monitoramento da Polícia Rodoviária Federal (PRF). O trecho que caiu é de 80 metros e a interdição parcial atinge um quilômetro, o que provoca lentidão em alguns momentos de maior fluxo de veículos.

Apesar das chuvas terem causado a queda da encosta de cerca de 80 metros e danos substanciais na pista e em trechos de acostamento da BR-262, é na BR-158, no trecho entre Paranaíba e Cassilândia, que os problemas são mais graves.

Já no km 79 da BR-158, no trecho que liga Paranaíba a Cassilândia, cujo asfalto cedeu na quinta-feira (3), o Dnit calcula que os trabalhos de reparo , também iniciados ontem, levarão pelo menos 30 dias.O tráfego também é mantido em apenas uma pista.

Além do trecho mais crítico, a 12 km de Paranaíba, outros locais apresentam rachaduras no acostamento e oferecem riscos de novos desabamentos de pista.

Por causa desta situação, PRF está monitorando os trechos, solicitando que o tráfego, principalmente de caminhões, seja feito com cautela.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também