sexta, 20 de julho de 2018

BRUNA MOURA

DJ da Capital disputa concurso nacional

5 JAN 2011Por Thiago Andrade00h:15

A cena de música eletrônica em Campo Grande sempre apareceu como uma das principais do País. Desde festas como a Organic, uma das primeiras raves realizadas no Brasil, e a criação do club D-Edge, que hoje existe apenas em São Paulo, o número de DJs cresceu e alcançou níveis invejáveis. Foi neste ambiente que Bruna Moura cresceu e, atualmente, aos 22 anos, começa a despontar nacionalmente. Ela está entre os dez candidatos a uma das três vagas para os finalistas do concurso “Play for real”, realizado pela DUB Music e Music On Board (MOB) Festival. A votação é on-line, pelo site www.playforreal.com.br.

Além de prêmios como contrato de um ano com a agência DUB DJs, que cuidará da agenda e proverá seis meses de assessoria de imprensa, curso de produção musical na DUB Music, kit para discotecagem Pioneer, o vencedor tocará na abertura do MOB, que acontecerá entre 18 e 21 de fevereiro no navio Splendour of the Seas. “Também ganho o título de Melhor DJ de House do País, o que é muito significativo”, pontua Bruna, que está em primeiro lugar desde que a votação foi aberta.

Agitando as pistas desde 2003, como residente na extinta D-Edge, Bruna começou a tocar aos 15 anos, após concluir curso ministrado pelo duo Drumagik. Em uma cena dominada por homens, ela ganhou espaço e se apresentou nas principais casas nortunas de Campo Grande, como o Garage, Tozen, Lôla Lounge, entre outros. “Eu já toquei em São Paulo, em clubs importantes como o Vegas e o Hot Hot, mas nunca havia participado de um concurso. Estou feliz por chegar tão longe”, descreve.

A votação que selecionará os três finalistas permanecerá aberta até o dia 17 de janeiro. Para Bruna, vencer o concurso abre espaço para estabilizar uma carreira nacional. “Atualmente, eu faço o circuito Campo Grande/São Paulo, mas com a agência cuidando da minha agenda, tenho oportunidade de me apresentar por todo o País”, aponta a DJ.

Segundo ela, na fase final, os três mais votados se apresentam na D-Edge, em São Paulo, e retornam à votação on-line. O resultado final será divulgado no dia 8 de fevereiro, entregando o título de fenômeno da House Music ao primeiro colocado. “Estou bastante animada. Consegui um bom número de votos, mas ainda estamos no começo. Muita coisa ainda pode acontecer”, acredita Bruna.

Para ela, ter sido selecionada entre os dez classificados é um sinal de que seu trabalho não fica devendo em nada aos outros nomes da House Music, estilo que a DJ elegeu como principal em sua música. “Nunca me inscrevi em concursos antes, vamos ver até onde consigo chegar”, finaliza.

Leia Também