Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

BAIRRO SÃO CONRADO

Discussão por ciúmes e cachaça termina em morte

Discussão por ciúmes e cachaça termina em morte
24/08/2012 08:00 - VÂNYA SANTOS


Denivaldo Lima da Silva, de 30 anos, foi morto a facada por volta das 2h50min de hoje, durante bebedeira. O crime aconteceu numa casa, que fica na Rua Hamilton Veran, Bairro Jardim São Conrado, em Campo Grande. Segundo a polícia, Rivaldo Marques da Silva, de 44 anos, é apontado como autor e foi preso em flagrante.

Uma testemunha, que reside na casa onde aconteceu o crime relatou para a polícia que Rivaldo e Denivaldo estavam consumindo bebida alcoólica, quando de repente deram início a uma discussão. Ainda segundo a mulher, o desentendimento foi motivado por ciúmes e também pela própria cachaça.

Durante a briga, Rivaldo pegou uma faca, que estava em poder de seu filho menor de idade, e então desferiu um golpe na parte interna da coxa de Denivaldo, atingindo uma artéria da vítima. Equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionada, mas constatou a morte do homem no local do crime.

Já o acusado foi localizado na Rua Ângelo da Cunha, via paralela a Hamilton Veran. Ele estava com uma bolsa, onde guardava a faca suja de sangue. Rivaldo confessou o crime, mas alegou legítima defesa porque teria sido agredido com dois tapas no rosto. Ele foi preso em flagrante e levado para a delegacia.

Conforme a PM, sob o corpo da vítima foi encontrado um cachimbo e uma pequena porção de maconha. O caso ainda será investigado pela Polícia Civil.

Felpuda


Alguns políticos estão se aproveitando deste momento preocupante de pandemia para sugerir projetos oportunistas que, em alguns casos, são de resultados extremamente duvidosos. O mais interessante – para não dizer outra coisa – é que se for analisado o desempenho normal dessas figuras, verifica-se que essa preocupação toda nunca esteve no topo das suas prioridades. Ano eleitoral é assim mesmo. Lamentável!